O que é ou não importante para nossa saúde

Artigo do Professor Beto Pavão – Espaço Elo

 

Atualmente vivemos num mundo que as informações estão disponíveis em qualquer lugar, e já falamos aqui a importância de buscarmos fontes que sejam produtivas para os nossos objetivos. Um fato importante é que precisamos impor clareza diante do que estamos procurando pois no mundo globalizado a verdade muitas vezes não é única.

Isso cria um mundo de opções que oferece muitos caminhos para o que desejamos até mesmo no nosso propósito de vida. Felizmente ou infelizmente nosso dia tem apenas 24 horas e dividir esse período com sabedoria pode ser o grande divisor entre a felicidade diária ou a tristeza, e diante da prática dos exercícios físicos, é certo afirmar que poderíamos ter passado mais fortalecidos diante dessa pandemia se optássemos por um programa semanal na nossa rotina.

Como falamos acima a opção é sempre nossa e não podemos terceirizar a responsabilidade da falta de tempo, pois normalmente procuramos cumplices para dividir na nossa inabilidade se gerenciar nossas rotinas. O fato é que vivemos num plano material e precisamos respeitar o espaço tempo estando apenas em um lugar de cada vez.

Acordar 30 minutos mais cedo para uma caminhada, ou sair 45 minutos mais cedo do escritório para a academia não pode ser o fim da uma carreira profissional, mas pode ser o fim da saúde física ou mental de um indivíduo que diante do “novo normal” parece ser normal.

Alimentar e movimentar nosso corpo através da musculação, pilates, treinamento funcional, beach tennis é tão importante quanto alimentar nossos pensamentos e conhecimentos através do que lemos, assistimos e com quem convivemos, mas lembre-se que isso depende de uma opção decidida por cada um de nós.

“Precisamos ter discernimento e estarmos preparados para perder o Irrelevante, e assim estarmos aptos a conquistar o fundamental” – Tadashi Kadomoto.

Beto Pavão – Academia Espaço ELO