Vereador pede passarela em frente às portarias da Caio e Irizar na Rondon

ARQUIVO ACONTECE BOTUCATU

O problema não é novo e há muitos anos os funcionários das duas fabricantes de ônibus que atuam no município cobram mais segurança e tranquilidade para a travessia da Rodovia Marechal Rondon. Na Sessão Ordinária da última segunda-feira, dia 02, vereador Sargento Laudo solicitou, por meio de requerimento, uma passarela para atender a munícipes no local. O pedido foi aprovado pelos demais legisladores.

A pauta foi encaminhada ao secretário municipal de Infraestrutura, André Peres e ao presidente da Concessionária Rodovias do Tietê, Emerson Bittar, solicitando que ambos envidem esforços no sentido de implantar uma passarela na Rodovia Marechal Rondon, especificamente nas proximidades das empresas Caio Induscar e Irizar, visando garantir a segurança de todos que circulam pela referida região.

De acordo com o documento, as empresas estão localizadas nas margens da rodovia, que é uma via de intenso fluxo de veículos. “Se trata de uma área que não possui um trecho seguro destinado ao tráfego de pedestres e, por conta disso, funcionários e prestadores de serviços de tais empresas, muitas vezes, transitam pela Rodovia, principalmente nos horários de entrada e saída do trabalho, o que é extremamente perigoso”, comentou Laudo.

Para o vereador, a obra, semelhante à que a Concessionária está em fase de conclusão na região do condomínio Vale do Sol, garantiria a segurança de que diariamente se arrisca pelo local. “Considerando que a circunstância em questão possibilita a ocorrência de atropelamentos e acidentes com os veículos, sendo dever do Poder Público proporcionar medidas que ofereçam segurança a nossa população, precisamos dar seguimento a essa questão até que uma solução seja oferecida”, concluiu.

Informações da Câmara Municipal