Tamanduá morre atropelado em rodovia que liga Pardinho a Botucatu

Uma internauta registrou na tarde deste domingo, 07, uma cena muito triste, um Tamanduá morto, vítima de atropelamento. O animal estava às margens da Rodovia Pedro Bosco (km 4,5), ligação entre Pardinho e a Rodovia Castelinho/Botucatu.

A região é rica em fauna e outros casos parecidos já foram registrados com outras espécies. Não é raro animais como Tamanduá, Onça-parda, Lobo-guará, entre outros, cruzarem a via. As imagens foram cedidas pela internauta Suzana Camalionte.

O animal

O Tamanduá-bandeira é encontrado em todos os biomas brasileiros e habita campos, áreas abertas e florestas tropicais. Ele pode viver até 25 anos.

Infelizmente, no Brasil é um dos animais em risco de extinção, sendo que em outras partes do continente americano já foi extinto. Além dele existem outras espécies de tamanduás no país, entretanto essa é a maior delas.