Tamanduá-bandeira morre atropelado na Gastão dal Farra em Botucatu

Um Tamanduá-bandeira morreu atropelado na noite desta terça-feira, 18, na rodovia Gastão Dal Farra em Botucatu. O fato ocorreu no trevo que dá acesso ao complexo Véu de Noiva.

Segundo informações passadas ao Acontece Botucatu, o animal atravessou a pista e o motorista não conseguiu desviar. Imediatamente os moradores de um loteamento fechado no local chamaram a Guarda Municipal, que compareceu com uma viatura do GPA.

Infelizmente o animal não resistiu e morreu no local após agonizar por alguns minutos. Ficou constatado que se tratava de uma fêmea.

Não é o primeiro relato de um animal silvestre cruzando a pista. Além disso, há muitos cachorros que circulam ao longo da rodovia, fato que exige atenção redobrada dos motoristas.

O Tamanduá-bandeira

O bandeira é a maior das quatro espécies de tamanduás. Ele tem hábito predominantemente terrestre, diferente de seus parentes próximos, o tamanduá-mirim e o tamanduaí, que são arborícolas. O animal mede entre 1,8 e 2,1 metros de comprimento e pesa até 41 kg.

É facilmente reconhecido pelo seu focinho longo e padrão característico de pelagem. Possui longas garras nos dedos das patas anteriores, o que faz com que ande com uma postura nodopedálica.

O aparelho bucal é adaptado a sua dieta especializada em formigas e cupins, mas em cativeiro ele pode ser alimentado com carne moída, ovos e ração, por exemplo. A longa pelagem o predispõe a ser parasitado por ectoparasitas, como carrapatos. (Wikipédia).