Rua Curuzu estará interditada para remoção de árvores com risco de queda no domingo, 29

 No próximo domingo, 29, a quadra da Rua Curuzu, entre as Ruas Morais de Barros e Monsenhor Ferrari, estará interditada para a remoção de duas árvores da espécie sibipiruna. As árvores estão com eminente risco de queda, por estarem com fungos e cupins.

“Uma denúncia chegou até a Defesa Civil alertando da situação das duas árvores em fevereiro deste ano. Nós acionamos a equipe de arborização, que fez a avaliação detalhada das árvores e constatou que as duas estavam oferecendo risco de queda. Como a Rua Curuzu é de intenso movimento e as árvores são bastante altas, decidimos por removê-las para evitar um acidente”, explica Marcos Leite, Coordenador da Defesa Civil de Botucatu.

A remoção será realizada pela equipe de poda da Secretaria do Verde. Dois caminhões serão utilizados para a retirada dos galhos e posteriormente o corte do tronco. Não será necessário o desligamento da rede elétrica, mas a Companhia Paulista de Força e Luz, CPFL, irá monitorar o trabalho, já que as duas árvores estão próximas a postes.

Para a execução do corte, o trânsito de veículos pequenos (carros e motos) será desviado para a Rua Amando de Barros das 7 às 17 horas. O transporte coletivo também será alterado. Os ônibus desviarão pela Rua Monsenhor Ferrai até a Rua Doutor Antônio Carlos de Abreu Sodré, depois seguirão para a Rua Júlio Prestes, e voltarão a Rua Curuzu (veja o mapa).

A Secretaria do Verde fará a compensação ambiental com o plantio de novas mudas na rua.