Prefeitura construirá banheiros na Praça Brasil Japão

O Prefeito Mário Pardini se reuniu com empresários da Praça Brasil Japão e representantes da Construtora Reobote para assinar o contrato para o início da construção dos banheiros da Praça Brasil Japão. A obra custará R$ 132.122,50 e deve ser concluída no prazo de 180 dias.

Os banheiros eram uma demanda antiga dos donos dos quiosques de alimentação e também da população que frequenta o espaço principalmente aos finais de semana.

“Por várias vezes, nós vimos clientes que foram com suas famílias à Praça cancelando o pedido porque um filho pediu para ir ao banheiro e não tínhamos. Até para nós, empresários, era muito complicado. Nós chegamos aos quiosques por volta das 4 horas da tarde e só vamos embora à 1 hora da manhã. Nesse período tínhamos que contar com a boa vontade de estabelecimentos próximos, como um posto de combustível, e íamos de carro devido à distância”, explicou Wesley Rafael de Almeida, empresário na Praça Brasil Japão há quatro anos.

A Brasil Japão passou a acomodar os quiosques de alimentação, antigos trailers, no final de 2016. Atualmente são cinco módulos que comportam pensionários (empreendedores do ramo da alimentação).

“Para nós é uma satisfação muito grande poder começar esta obra. Desde que assumi a Prefeitura fui cobrado por este investimento e por isso nos esforçamos bastante para desenvolver o projeto e viabilizá-los. Sabemos que esta é uma praça muito familiar e queremos fazer esta melhoria para atender quem frequenta este espaço”, destacou o Prefeito Mário Pardini.

A Construtora Reobote, vencedora da licitação, irá dar início à construção na próxima semana. Os banheiros terão aproximadamente 32 metros quadrados e serão construídos próximos à academia ao ar livre.

“Eu sou frequentadora da Praça desde criança, me lembro de ir com a minha família para comer aos finais de semana e por isso fico muito feliz, como empresária, poder fazer essa melhoria. Os banheiros serão muito bons para os empresários do local, mas principalmente para as famílias que vão a Brasil Japão”, afirmou Thais Bezerra, proprietária da Construtora Reobote.

“Desde que foi aprovada a Lei dos Trailers e os quiosques foram implantados nas praças, foram criados vários locais de recreação pela Cidade, que também não tem banheiros ainda. Nossa intenção é implantar os banheiros na Praça Brasil Japão e, a partir de agora, estudar a possibilidade de ampliar a instalação para outras praças que também tem quiosques”, explicou Daniel Lopes, Secretário Adjunto de Desenvolvimento.