“Operação Migrante” já atendeu mais de 240 pessoas em 2018

Durante os dias mais frios do ano, a Guarda Civil Municipal, em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social, tem realizado a Operação Migrante, um patrulhamento em locais que moradores de rua costumam pernoitar. A GCM aborda essas pessoas e os encaminha para o Espaço Acolhedor para receberem os devidos cuidados.

Desde maio deste ano, quando as temperaturas baixaram na Cidade, a GCM já recolheu 243 pessoas em situação de rua. Na última madrugada, quando os termômetros registraram 10 ºC, 4 cidadãos em estado de vulnerabilidade foram encaminhados ao Espaço Acolhedor, onde receberam alimentação, roupas limpas e banho quente.

“A Operação Migrante é muito importante para dar condições dignas às pessoas em situação de rua passar a noite. Sempre que os termômetros baixam, nossas guarnições acompanhadas de técnicos da Secretaria de Assistência Social patrulham a Cidade em busca de pessoas em situação vulnerável e as encaminham para o Espaço Acolhedor, onde tem condições confortáveis para enfrentar as noites frias”, explica Marcelo Emílio de Oliveira, Secretário Municipal de Segurança.

A população é a grande aliada da GCM na Operação Migrante. Os munícipes podem ligar para a Guarda e avisar sobre pessoas que estejam em situação de vulnerabilidade. Os chamados podem ser feitos pelo telefone 199.

“O inverno termina no final de setembro e até lá, toda vez que as temperaturas baixarem, intensificaremos o patrulhamento da Operação Migrante. Contamos com a população também para continuar desenvolvendo este trabalho”, salienta Leandro Destro, Comandante da GCM.