Operação Migrante atendeu 17 pessoas em primeiro dia com nova estrutura em Botucatu

Em uma das madrugadas mais frias do ano, com mínima de 10 graus, a Operação Migrante encaminhou ao Ginásio Municipal 17 pessoas encontradas em situação de rua em Botucatu. Estas pessoas foram acomodadas na nova estrutura montada exclusivamente para a Operação Migrante durante o período da pandemia do novo coronavírus.

No Ginásio Municipal foram montados boxes individuais na quadra, com capacidade para atender até 30 pessoas, onde cada morador tem sua cama, travesseiros e cobertores para passar a noite. Eles também recebem duas refeições, o jantar e o café da manhã e têm à disposição um local para banho. Toda a estrutura recebe higienização diária, respeitando as normas da Vigilância Sanitária.

“Botucatu é uma das cidades mais frias da nossa região e nós montamos esta estrutura para trazer dignidade e segurança a estas pessoas, principalmente neste período de pandemia. Vamos manter estes 30 boxes e, se houver a necessidade, ampliaremos os espaços para acomodar ainda mais pessoas”, destacou o Prefeito Mário Pardini.

As primeiras pessoas começaram a chegar no Ginásio por volta das 18 horas e foram recebidas por uma equipe de assistentes sociais e enfermeiro, que acolheram, fizeram uma avaliação médica e encaminharam cada pessoa para seu box.

“Nossa equipe os acompanhou por toda a noite e será assim durante todo o período de frio. Quem estiver febre ou apresentar qualquer sintoma de Covid-19, será encaminhado para atendimento especializado e será colocado em isolamento social”, explicou Silvia Fumes, Secretaria de Assistência Social.

Atualmente, um grupo fixo de 22 pessoas que moravam na rua estão alojadas no Espaço Acolhedor, sem sair durante o dia. Lá, eles recebem todas as refeições, tomam banho e mantém uma rotina. Por isso, os novos assistidos foram direcionados a este espaço montado no Ginásio de Esportes.

A Operação Migrante deve continuar até setembro, quando termina o inverno. Até lá, equipes de assistentes sociais e guardas civis municipais percorrerão a ruas da Cidade, principalmente em locais habituais onde há pernoite de moradores em situação de rua, e encaminhará estas pessoas ao Ginásio de Esportes.

A população pode colaborar com a ação, acionando a GCM pelo telefone 199 sempre que encontrar alguma pessoa em situação de rua durante a noite.

Serviço:
Guarda Civil Municipal
Telefone: 199