Novas demissões no Grupo Caio estão suspensas, afirmam empresa e sindicato

Empresa Caio confirmou a informação  nesta quinta-feira, 30

As demissões no Grupo Caio estão suspensas neste momento. O fato foi confirmado pela própria empresa nesta quinta-feira (30) e também pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Botucatu, na quarta-feira, 29.

Uma reunião foi realizada ontem com os representantes dos colaboradores e o Grupo. As partes continuarão negociando, porém, em um primeiro momento, as demissões estão suspensas, mesmo em um cenário delicado que atravessa a empresa e o setor de ônibus urbanos no país.

Lembrando que na última semana o Grupo Caio anunciou o desligamento de 270 colaboradores. Foram priorizados os aposentados e aqueles que gostariam de ser desligados por motivos pessoais.

O Grupo Caio está em fase de definição de outras medidas para esse período considerado de baixa produção, como Acordo Coletivo, lay-off.

Confira nota enviada pelo Grupo Caio

“É de conhecimento de todos que o mercado de ônibus é um dos mais prejudicados pela pandemia. Diante dessa situação, a empresa adotou diversas medidas para manter os nossos colaboradores empregados, como suspensão temporária de contratos, férias, banco de horas etc.

Infelizmente foram necessárias cerca de 270 demissões. Dando continuidade às medidas, a Caio, em reuniões em conjunto com o Sindicato, definiu os seguintes pontos:

  1. Suspensão temporária de outras demissões na empresa;
  2. Análise de soluções viáveis para a manutenção de empregos.

Prezando pela preservação dos empregos e com a esperança de que haja uma retomada do mercado em 2022, a Caio irá realizar uma nova Assembleia na próxima semana, para votação de um novo Acordo de Lay-off.

A Caio sempre mantém o compromisso de transparência com seus colaboradores, comunidade e imprensa”, diz nota

Confira abaixo a nota distribuída pelo Sindicato dos Metalúrgicos

“Ante o amplamente noticiado pela imprensa local e a iminência do acontecimento de demissão em massa na Empresa Caio, o SINDICATO DOS METALÚRGICOS DE BOTUCATU, vem a público comunicar que na tarde de hoje realizamos uma reunião com a empresa CAIO, onde obtivemos sucesso na continuidade das negociações, onde num primeiro momento todas as demissões estão SUSPENSAS!

A partir desta suspensão estamos em intensas e necessárias negociações com a empresa, a fim de solucionar o impasse com a manutenção de todos os empregos. Assim, reafirmamos nosso compromisso com os metalúrgicos. O sindicato está a disposição de todos. Grato pela compreensão”, assina Cláudio Beiço.