Prefeitura de Botucatu assina contrato com a Caixa nesta quinta, 28, para construção de 500 moradias populares

 

A Prefeitura de Botucatu assinará nesta quinta-feira, dia 28, assinatura de contrato com a Caixa para construção de moradias para o Minha Casa Minha Vida. O evento será às 15 horas na sede do executivo. Simbolicamente, será o primeiro contrato a ser assinado no país dessa nova fase do programa.

Em novembro Botucatu foi contemplada com mais 500 unidades habitacionais do programa ‘Minha Casa Minha Vida’. Na oportunidade, o Ministro das Cidades ainda era o Deputado Bruno Araújo, do PSDB.

A informação foi adiantada pelo próprio Acontece Botucatu no dia 14 de setembro, quando a Prefeitura ingressou com um projeto no Ministério das Cidades para conquistar as casas. Com a mudança de nomes na pasta, havia o temor de que os investimentos em Botucatu fosse cortados, o que não ocorreu.

As unidades serão construídas na Chácara Cachoeirinha, uma grande área que fica ao lado da Cohab 2. O empreendimento será destinado à chamada ‘faixa 1’, a mais acessível e que contempla famílias com renda bruta mensal de até R$ 1,8 mil. A Prefeitura ainda vai divulgar o processo de inscrições.

Nova fase do programa

O novo ministro das Cidades, Alexandre Baldy, disse na terça-feira, dia 26, que a pasta está negociando com o Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão a recomposição do orçamento do Programa Minha Casa, Minha Vida para 2018, que teve um corte de R$ 1,5 bilhão. Apesar do contingenciamento, Botucatu foi mantida no programa e será a primeira a assinar esse novo modelo.