Campanha do Agasalho é cancelada por causa da chuva

Por conta da forte chuva que atingiu Botucatu na manhã deste sábado, 19, e da previsão do tempo que aponta que ela continuará por todo o fim de semana, a coleta porta a porta da Campanha do Agasalho 2018, foi adiada para o próximo sábado, dia 26.

Aqueles que preferirem poderão realizar suas doações antes deste período nas caixas coletoras em mais de 100 pontos da Cidade, como bancos, emissoras de rádio, mercados e outras dependências públicas.

A Campanha do Agasalho é uma das principais ações do Fundo de Solidariedade de Botucatu, realizada há mais de 40 anos. Em 2017, o Fundo recolheu e destinou mais de 80 mil peças de roupas e cobertores.

Novidades para a Campanha do Agasalho

Além da tradicional entrega das roupas nos CRAS, neste ano a Campanha do Agasalho terá novidades. A primeira são os cabides solidários. Em 2017, o Fundo Social de Solidariedade já colocou um cabide solidário na Praça do Paratodos e neste ano serão sete nas seguintes localidades: Sabesp; APAPE; Rodoviária; Casa do Cidadão; CRAS Central; Centro de Múltiplo Uso; e Casa Solidária.

Os cabides são estruturas metálicas que ficam à disposição de quem deseja doar e de quem precisa pegar uma peça de roupa. A intenção é que os sete cabides fiquem a disposição da população durante todo o ano.

Outra novidade neste ano é que os voluntários e atiradores do Tiro de Guerra 02-048 também recolherão medicamentos para o Banco de Remédios de Botucatu. A Prefeitura de Botucatu apoia a realização da ONG Ação da Cidadania, que busca recolher diversos tipos de medicamentos a partir da doação da população. Vale doar todo tipo de medicamento, dentro do prazo de validade, em estado aceitável de conservação e que não esteja sendo utilizado.

Gerido pela instituição, o Banco de Remédios oferece estes produtos gratuitamente aos cidadãos de baixa renda.