Botucatu inaugura primeira Residência Inclusiva

 

Botucatu ganhou nesta segunda-feira, 07, sua primeira Residência Inclusiva. Montada pela Casa Espirita Alan Kardec, com o apoio da Prefeitura, a residência servirá para o atendimento de adultos com algum tipo de deficiência, seja motora, visual, auditiva, intelectual ou outras e cujos vínculos familiares estejam rompidos ou fragilizados.

A Residência tem capacidade para abrigar 10 pessoas, que receberão gratuitamente atendimento médico e psicológico, além de orientação para a execução de tarefas do cotidiano, visando à reinserção na sociedade e no mercado de trabalho.

A inauguração da Residência contou com a presença da Presidente da Casa Espírita Alan Kardec e de Roberto Franceschetti Filho, coordenador da Residência Inclusiva de Bauru, a primeira do país e atual referência neste tipo de atendimento. Atualmente são 130 Residências Inclusivas em atendimento no país.

“Desde o começo, nós buscamos o apoio da Casa Inclusiva de Bauru. A equipe de lá está nos dando orientação para o funcionamento. A partir de agora, iremos dar início ao nosso trabalho, através das diretrizes do Sistema Único da Assistencial (SUAS), faremos a triagem dos usuários”, afirma Edmundo Paganini, coordenador do projeto.

Antes de ser encaminhado, o usuário e a família serão avaliados pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e Secretaria Municipal de Assistência Social.

“É importante ressaltar que a Residência Inclusiva não é espirita e de nenhuma religião. A Residência é da Cidade e deverá atender a quem precisa. A Casa Espirita apenas está fazendo um trabalho voluntário para colocar em prática o projeto”, completa Edmundo Paganini.