Botucatu conquista prêmio inédito em concurso estadual de combate à fome e à desnutrição

Botucatu conquistou o primeiro lugar no “Concurso Prêmio Josué de Castro de Combate à Fome e à Desnutrição”, promovido pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. O concurso premia iniciativas de instituições públicas e privadas que promovem a segurança alimentar. Botucatu foi destaque com o programa “Agricultura Urbana”.

A Secretaria do Verde apresentou o trabalho desenvolvido no Município que promove a implantação de hortas comunitárias, pomares urbanos, jardins comestíveis, agricultura de cerca, mandala medicinal, hortas escolares e hortas domésticas na área urbana de Botucatu.

“Para nós foi uma surpresa muito grande conquistar o primeiro lugar. Esta foi a primeira vez em que nos inscrevemos e já vencemos. Isso mostra que nosso trabalho é sério, bem feito e tem resultados positivos para promover a segurança alimentar, a geração de emprego e a promoção da agricultura familiar, principalmente nos bairros mais carentes do nosso Município”, afirmou Márcio Piedade Vieira, Secretário do Verde.

Atualmente, Botucatu tem 13 hortas comunitárias, além de jardins comestíveis e pomares urbanos que utilizam áreas verdes da Prefeitura para promover projetos de agricultura.

“Nós tínhamos 114 alqueires de área verde sem uso no perímetro urbano de Botucatu. Esse espaço são terrenos que geravam custo com limpeza e conservação para a Prefeitura, mas aos poucos estamos transformando esses espaços em locais produtivos, que promovem o cultivo de alimentos saudáveis, além de embelezar nossa Cidade”, completou o Secretário do Verde.

A entrega da premiação do “Concurso Prêmio Josué de Castro de Combate à Fome e a Desnutrição” será no dia 30 de outubro, no Salão Nobre da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.