Artesãos de Botucatu produzem máscaras para distribuição no transporte coletivo

 

Artesãos de Botucatu se uniram em mais uma causa nobre no combate ao coronavírus. Integrantes da Casa do Artesão, Associação dos Artesãos e Associação dos Artesãos do Jardim Peabiru confeccionaram 550 máscaras de tecido, que serão doadas a passageiros do Transporte Coletivo na Cidade.

O trabalho é totalmente voluntário e conta com a coordenação da Secretaria Adjunta de Turismo.

“As artesãs do nosso município, de forma voluntária e generosa, se dispuseram a produzir essas máscaras. Vamos distribuir junto a Semutran no transporte coletivo. Já estamos adquirindo uma nova quantidade de tecido para a produção de mais unidades”, afirmou Augusto Tecchio, Secretário de Turismo.

A expectativa do grupo é que outras 5 mil máscaras sejam produzidas. As máscaras distribuídas são reutilizáveis, de uso individual, e devem ser higienizadas após duas horas de uso.

Instruções de uso e higienização

 A máscara deve ser usada sempre cobrindo totalmente a boca e o nariz.

O Ministério da Saúde recomenda higienizar as máscaras de tecido, colocando-as de molho em uma solução de água e água sanitária por 20 minutos (2 colheres de água sanitária para 1 litro de água), e depois enxaguar. Quando estiver seca, a máscara deve ser passada e embalada em um saco plástico.

Antes de colocar a máscara, higienize as mãos com água e sabão ou álcool em gel.