Além de asfalto, bairro da Mina terá rede coletora de esgoto

Cidade
Além de asfalto, bairro da Mina terá rede coletora de esgoto 19 outubro 2017

 

Além de receber asfalto em sua estrada de acesso, como anunciado pelo Prefeito Mário Pardini nesta semana, a Mina receberá outra melhoria. Após o término das obras de pavimentação do local, que abrangem mais de 2 quilômetros e aproximadamente 16 mil metros quadrados de massa asfáltica, a Prefeitura de Botucatu e a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo, a Sabesp, iniciarão a construção de uma rede coletora de esgoto no bairro. Atualmente as casas e ranchos localizados no balneário fazem o armazenamento do material orgânico em fossas.

“O asfalto e a rede coletora de esgoto eram demandas antigas da população. Essas medidas, além de ser direito dos moradores, trarão mais saúde e qualidade de vida a eles. Queremos que, terminando a pavimentação, iniciemos junto à Sabesp mais essa melhoria”, afirma o Prefeito Mário Pardini.

A previsão é de que implantação da rede de esgoto dure de 6 a 8 meses.

“Essa obra abrange a instalação de redes coletoras de esgoto, estações elevatórias de esgoto, linhas de recalque (redes bombeadas) e estação de tratamento de esgoto. Na próxima semana, se tudo correr bem, iniciamos o trabalho de implantação que beneficiará aproximadamente 2,6 mil pessoas”, explica Sandro Henrique Branbilla, Gerente de Divisão da Sabesp.

Pavimentação e Economia

A obra de pavimentação do acesso que liga o bairro da Mina à Rodovia Geraldo Pereira de Barros leva também o carimbo da economia, presente nas outras obras executadas pela Prefeitura de Botucatu.

Se fosse realizada com a contratação de uma empresa, a implantação do asfalto na via custaria aproximadamente R$ 1 milhão. Feito com mão de obra da própria Secretaria Municipal de Infraestrutura, o valor a ser gasto não chega aos R$ 400 mil.

“Mais uma vez nossa equipe da Infraestrutura demonstra a sua capacidade ao abraçar mais essa obra e ao ajudar na economia do Município. Nossa equipe tem qualidade e creio que em dez dias essa via de acesso a Mina já esteja liberada”, cita o Vice-prefeito e Secretário Municipal de Infraestrutura, André Peres.

Compartilhe esta notícia
Oferecimento
BERIMBAU INST DESK
Oferecimento