Tatu ferido por cães é resgatado pela GCM

Atendendo solicitação feita via 199 o Grupo de Proteção Ambiental (GPA) formado pelos guardas municipais Carlos e Camargo se deslocou até a Rodovia João Hipólito Martins – Parque Marajoara onde um senhor de 26 encontrou um Tatu com ferimentos aparentemente causado por ataque de cães, o animal foi capturado e conduzido ao Centro de Medicina e Pesquisa em Animais Silvestres (Cempas) onde ficou aos cuidados da equipe de plantão para receber atendimento veterinário.
 
A equipe também atendeu a uma denúncia de danos contra a natureza na Avenida Marcos Bravim – Cohab V onde segundo informações estaria sendo feito um aterro e um lago. No local em contato com o responsável a guarnição foi informada que havia um lago no local que se desmanchou devido à erosão.

Diante deste fato o mesmo resolveu refazer o lago e aumentar seu diâmetro aproveitando uma mina de água existente no local informou também que foi autorizado, porem não apresentou documentos comprovando o fato, por este motivo os fatos serão encaminhados ao órgão competentes para as demais providencias.
 
                                     
Galinhas

 

Já pela Rua Antônio Nunes da Silva Sobrinho, Jardim Paraíso um morador estaria criando galinhas, causando forte odor e infestação de pulgas e carrapatos. Feito contato com o responsável que confirmou que cria os animais,  porém negou o forte odor bem como a proliferação de insetos no local e autorizou a entrada da guarnição no local que confirmou as informações do proprietário e verificou que as aves estão devidamente cercadas.

O proprietário foi informado sobre a lei municipal que proíbe a criação de galináceos no perímetro urbano do município, o fato será encaminhado às secretarias responsáveis para serem tomadas as demais providencias.