Realizado o mutirão de limpeza no Rio Lavapés

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente em parceria com a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) e apoio da Guarda Civil Municipal (GCM), realizou na manhã deste sábado (15), um mutirão de limpeza de quase cinco quilômetros de um dos rios mais conhecidos de Botucatu: o Lavapés.

A operação teve início ? s 8 horas, com a concentração de, aproximadamente, 400 pessoas em frente ? Prefeitura Municipal. As entidades voluntárias que participaram da limpeza do córrego foram: Organização Não Governamental (ONG) SOS Cuesta, Grupo Escoteiro Padre Anchieta (Gepa), Projeto Social Paraná, Tiro de Guerra (TG) 02-048, além de atletas da Terceira Idade oriundos dos projetos da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer.

Os voluntários foram divididos em seis grupos: três com crianças e adultos e outros três apenas com adultos. Os trabalhos começaram na região da Cohab -1 e se estenderam por toda a extensão do Lavapés até o final da Avenida Paula Vieira, já na Vila Ema. Os voluntários percorreram a calha e as margens do rio, retirando todo tipo de lixo encontrado.

A limpeza do Lavapés, que faz parte da programação da Semana do Meio Ambiente, realizada entre os dias 5 e 8 de junho, não é a primeira atividade desenvolvida em conjunto entre a Prefeitura e a Sabesp. No último mês de março, em comemoração ao “Dia Mundial da Água”, foi realizada a soltura de 16 mil alevinos (peixes recém-nascidos) no Córrego Água Fria, confluente do Ribeirão Tanquinho.

Para o secretário Municipal de Meio Ambiente, Perseu Mariani, o objetivo da operação é, além de limpar um dos córregos mais importantes da Cidade, conscientizar a população sobre a poluição dos rios. “Além de limparmos o Lavapés, que atualmente conta com um tratamento de água excelente realizado pela Sabesp, nosso objetivo é conscientizar os moradores de Botucatu a não jogarem lixo nos córregos e também em vias públicas, pois as águas das chuvas acabam levando essa sujeira para esses rios”, colocou Mariani.