Meio Ambiente e PM realizam bloqueio educativo

Nesta quarta-feira (6), a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e a Polícia Militar, por meio do projeto “Jovens Construindo a Cidadania” (JCC), promoveram um bloqueio educativo da “Campanha contra as Queimadas”, a qual faz parte do programa “Eco Botucatu”.

A ação teve como objetivo conscientizar a população sobre a necessidade de evitar as queimadas, muitas vezes causadas por queima de lixo e de terrenos, fogueiras, descarte no chão de cigarros acesos e, também, pelo costume de soltar balões em épocas de festas juninas.

O bloqueio foi realizado no período da manhã e teve como ponto principal a Praça Comendador Emílio Peduti (Bosque), no Centro. Participaram das atividades oito alunos da Emefei “Doutor João Maria Araújo Júnior”, integrantes do JCC.

Os jovens entregaram cerca de 300 folhetos explicativos sobre as principais causas das queimadas e a importância de evitá-las. Foram feitas abordagens junto aos motoristas e pedestres que passavam pelo local, além da distribuição dos informativos nas lojas do comércio.

Segundo Juliana De Lucca, bióloga da Secretaria de Meio Ambiente, a campanha acontece anualmente, sempre na época mais seca do ano. “Além de dar palestras para esses jovens, fazemos essa ação voltada para o público externo, a fim de chamar a atenção da comunidade para o problema”, acrescentou.

Vale ressaltar que o JCC é um projeto da Polícia Militar, o qual conta com vários parceiros, entre eles a Prefeitura. Ele é desenvolvido nas escolas com dois alunos de cada sala, que atuam como multiplicadores dentro da sua instituição de ensino.

“O meio ambiente consiste em um dos temas que trabalhamos com os participantes, que deverão disseminar as informações apreendidas entre os demais estudantes”, comentou com o PM Robson Pontes Tavares.

Está previsto para a próxima semana um novo bloqueio, o qual será realizado na Rua Major Matheus, localizada na Vila dos Lavradores. Participarão desta atividade os alunos da Escola Estadual “Dom Lúcio Antunes de Souza”.