Medicina da FMB é 3º colocado em Ranking da Folha

O curso de Medicina da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB) é o terceiro colocado, pela avaliação de ensino, no Ranking Universitário Folha 2013, divulgado em 9 de setembro pelo jornal Folha de S. Paulo. A FMB ficou atrás da Unifesp e USP, respectivamente primeira e segunda colocadas.

O levantamento, na categoria ensino, considera 4 subindicadores: Pesquisa Datafolha com 464 professores que avaliam os cursos de graduação para o Inep-MEC (22 pontos); professores com doutorado (dados do MEC) (4 pontos); professores com dedicação integral (dados do MEC) (4 pontos) e nota Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes) (2 pontos).

A Unesp ficou em sexto lugar na classificação geral, atrás de USP, UFRJ, UFMG, UFRGS e Unicamp. Essas posições não se alteraram em relação ao ano passado. A avaliação geral contempla cinco áreas (pesquisa, internacionalização, inovação, ensino e inserção no mercado de trabalho), com os seguintes pesos, que totalizam 100 pontos: 40, 6, 4, 32 e 18.

Na opinião da coordenadora do curso de Medicina da FMB, professora Norma Pinheiro Modolo, a dedicação do corpo docente, a estrutura disponível na instituição e a capacidade dos alunos foram fatores decisivos para esse desempenho. “Nossos alunos aprendem em diferentes cenários de ensino, nos níveis primário, secundário e terciário. Os docentes, em sua maioria, têm dedicação exclusiva e os alunos são muito inteligentes”, observou.

{n}Sobre o curso{/n}

O curso de Graduação em Medicina da FMB, que oferece 90 vagas por ano, teve, em 2013, a maior relação candidato/vaga da história do curso – 185,3. A atribuição do médico é atender a maioria da população de uma comunidade, independentemente de sexo e idade, com ênfase nos problemas de saúde mais comuns naquele grupo. Para isso, precisa ter conhecimentos sólidos de como promover a prevenção de doenças e a reabilitação do organismo. Ele pode atuar em instituições públicas do Sistema Único de Saúde (SUS), em consultórios particulares, em convênios e cooperativas médicas ou optar por formar novos médicos, dedicando-se ao ensino e ? pesquisa.

A FMB/Unesp segue a tendência das melhores escolas do mundo nessa área ao envolver os alunos em atividades de pesquisa e de atendimento ? comunidade. Os dois últimos anos de gra¬duação são em regime de internato em diversas instituições da região, como a Maternidade do Hospital Regional Sorocabano, o Centro de Saúde Escola de Botucatu, as Unidades Básicas de Saúde de Botucatu, além do Hospital de Clínicas da FMB. Como o trabalho no pronto-socorro e no atendimento de urgências e emergências costuma marcar os primeiros anos da carreira, atividades nessas áreas têm sido valorizadas nas disciplinas desse momento do curso.