Guarda Municipal faz resgate de cobra jararaca

Atendendo solicitação feita via 199 o Grupo de Proteção Ambiental (GPA) formado pelos Guardas Civis Municipais Camargo e De Santi se deslocou até a SP 209,  Rodovia João Hipólito Martins, região do Central Park onde segundo informações havia uma serpente conhecida como Jararaca dentro de um quintal.

No local foi confirmado o fato sendo que o animal foi capturada e encaminhada ao Centro de Estudos de Venenos e Animais Peçonhentos (Cevap) da Unesp onde permaneceu aos cuidados da equipe de plantão. Nesse mesmo quintal foi encontrado também um filhote de pomba do mato que também foi capturado e posterior encaminhado ao Centro de Medicina e Pesquisa em Animais Silvestres (Cempas) para receber atendimento veterinário e posterior ser devolvido ao seu habitat natural.

Popularmente, essa espécie de sepente é causadora de acidente com alta taxa de morbidade e mortalidade. As diferentes espécies apresentam grande variabilidade, principalmente os padrões de coloração, tamanho, ação da peçonha, dentre outras características. Atualmente, 47 espécies são conhecidas e as menores não ultrapassando setenta centímetros e as maiores atingem cerca de dois metros de comprimento.

A maioria das espécies são noturnas, entretanto não é raro encontrá-las ativas durante o dia. A maior parte das espécies é terrestre, mas pode-se encontrar algumas espécies em arbustos e árvores pequenas, especialmente os indivíduos mais jovens.