Botucatu implanta projeto ‘Movimento’ na Educação Infantil

Informações vindas da Secretaria de Comunicação revelam que em mais uma ação da “Grande Arrancada da Educação”, a Prefeitura de Botucatu realizou na manhã desta quinta-feira (18), na Sala de Teleconferência da Secretaria Municipal de Educação, o lançamento do projeto “Movimento” – Cultura Corporal de Movimento. Na ocasião esteve presente o prefeito João Cury Neto; secretário de Educação, Narcizo Minetto Júnior; secretário de Esportes e Lazer, Marcelo Marcolin, diretores e coordenadores de escolas; e estagiários de Educação Física da Secretaria de Educação.

Com o lema “Um olhar da Educação Física na Educação Infantil”, a iniciativa, inédita em Botucatu, tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento integral de crianças de 2 a 6 anos das escolas de Educação Infantil da Rede Municipal de Ensino, através do movimento dirigido e do brincar significativo, vivenciando os elementos da nossa cultura através de jogos, danças, ginásticas, entre outras ações.

Segundo o secretário de Educação, Narcizo Minetto Júnior, Botucatu é o segundo município do Estado de São Paulo, depois de Campinas, a implantar este projeto na Educação Infantil. “Nós precisamos abrir a mente, quebrar os paradigmas, e inserir na Educação novas culturas como este projeto que é o início de um grande passo para as crianças ficarem mais ativas”, explica.

As aulas planejadas pela equipe de Educação Física possuem caráter lúdico e desafiador, com brincadeiras que se apresentam como oportunidades privilegiadas para o desenvolvimento das habilidades no plano físico, cognitivo e afetivo-social, melhorando a coordenação motora, a socialização e a expressão de ideias e sentimentos.

A expectativa é que duas mil crianças sejam atendidas pelo projeto. As aulas de movimento são ministradas pela equipe de Educação Física juntamente com a professora da turma (pedagoga). Elas acontecem todos os dias, com duração de 40 minutos para cada turma do maternal I e II e Etapas I e II.

De acordo com Gisele Cristina Bertoloni, coordenadora de Educação Física da Secretaria Municipal de Educação e responsável pela implantação e coordenação do projeto, a aula de movimento irá ajudar no desenvolvimento das habilidades motoras básicas das crianças por meio do brincar, além do aumento de seu repertório de brincadeiras para o tempo livre. “A intenção é iniciar a formação de um adulto ativo e saudável, criar a criança desde pequena com o hábito de praticar o movimento”, revela.

O prefeito João Cury Neto, em seu discurso, mencionou a importância de projeto que irá agregar valores para a vida das crianças no início da primeira infância, com um brincar diferente através de uma metodologia e planejamento. “Isso é muito importante em uma época que lutamos para combater a obesidade infantil, por meio desse projeto nossas crianças irão desenvolver um gosto pela atividade física o que fará diferença no futuro delas”, argumenta.

{n}Primeiros resultados {/n}

O Centro de Educação Infantil (CEI) “Nair Fernandes Leite Vaz”, localizado no Conjunto Habitacional Humberto Popolo (Cohab I) foi uma das unidades escolares que já estão recebendo desde o projeto “Movimento” como piloto.

Para a professora do CEI, Luzanir José Pereira Dalaqua, o projeto foi melhor coisa que poderia ter acontecido na vida de suas crianças. “Já podemos ver um claramente um desenvolvimento melhor na coordenação motora das crianças. Este projeto veio na hora certa”, elogia.

De acordo com Maria José Kattener, também educadora da unidade, as classes têm uma grande participação nas aulas do projeto. “As crianças adoram, pegam rápido, elas gostam muito das atividades”, menciona.