Botucatu forma nova turma do Ensino de Jovens e Adultos

A Prefeitura de Botucatu, através da Secretaria Municipal de Educação, realizou no Salão Social da Associação Atlética Botucatuense (AAB), a formatura da terceira turma do Ensino Médio da Escola Municipal de Ensino de Jovens e Adultos (Emeja). Completaram o terceiro ano do Supletivo 102 alunos.

Estiveram presentes na cerimônia o prefeito de Botucatu, João Cury Neto; a secretária municipal de Educação, Alessandra Lucchesi de Oliveira; a secretária adjunta de Educação, Edileine Fernandes Henrique; o vereador André Rogério Barbosa – Curumim; a diretora da Emeja, professora Daniela Thomé; além de professores, pais e familiares dos formandos.

Em virtude do aumento da demanda para o Ensino Médio, em janeiro de 2012 a Emeja passou a atender seus alunos no prédio da Escola Municipal de Ensino Fundamental “Dr. Cardoso de Almeida”. Nesse período, a escola já formou cerca de 250 alunos.

Segundo Daniela Thomé, muitos destes alunos são encaminhados pelos Departamentos de Recursos Humanos das empresas da Cidade que buscam oferecer maior qualificação de seus funcionários. Ela também avalia positivamente o trabalho que tem sido desenvolvido ao Supletivo Municipal de Botucatu.

“O desafio sempre é sempre evitar a evasão escolar, que nesta nossa última turma já foi bem menor. Conseguimos formar pessoas com mais de 60 anos, que por algum motivo não haviam completado o Ensino Médio. Acredito que muitos deles ampliaram os horizontes e buscarão desafios ainda maiores daqui para frente”, afirma.

A secretária Alessandra Lucchesi valoriza, além do trabalho pedagógico da equipe da Emeja, o esforço de cada um dos alunos a voltar a frequentar uma sala de aula após um hiato na sua formação escolar.

“Neste sentido as aulas presenciais são fundamentais porque trazem uma segurança maior ao aluno no desenvolvimento do aprendizado e na sistematização de seu conhecimento voltado ao mercado de trabalho”, argumenta.

{n}Matrículas para o 2º semestre{/n}

Os interessados em reingressar ao Ensino Médio devem procurar a Escola Municipal de Ensino de Jovens e Adultos até o dia 20 de julho. O aluno deve ser maior de 18 anos e comprovar que completou o Ensino Fundamental através de histórico escolar.

As aulas no Emeja de Botucatu voltam no dia 29 de deste mês. A previsão da direção da escola é ter no segundo semestre de 2013 nove turmas com até 35 estudantes cada, distribuídas do primeiro ao terceiro termos do Ensino Médio do Ensino Supletivo. Cada “termo” corresponde a uma série do ensino regular e são desenvolvidos em seis meses cada, totalizando um ano e meio de Ensino Supletivo.

A Secretaria Municipal de Educação, além do Ensino Médio, também oferece Supletivo para o Ensino Fundamental (primeiro ao nono ano) na Escola Municipal Dr. João Maria de Araújo Júnior.