Ambiental faz resgate de tamanduá e coruja suindara

Em duas operações distintas a guarnição do Grupo de Patrulhamento Ambiental (GPA) da Guarda Civil Municipal (GCM) realizou o resgate de dois animais silvestres que foram encaminhados ao Centro de Medicina e Pesquisa em Animais Selvagens (Cempas) da Unesp de Botucatu para serem a avaliados.

Os agentes Camargo e De Santi se deslocaram até a Rua Leontina Teixeira Pinto, Distrito de Rubião Junior, onde havia um tamanduá mirim em área urbana.  Após ser capturado o animal foi examinado pela equipe médica e constatado que estava apto para a soltura, não tendo ferimentos graves. Ele foi levado a um local apropriado e solto na natureza.

Já os guardas municipais inspetor Carlos e agente Carmelin estiveram na Estrada BTC 443, Zona Rural (Fazendo São João do Bom Retiro), onde havia uma coruja da espécie suindara aparentando estar machucada. Foi capturada e constatado que estava com uma fratura exposta em uma das asas, o que a impossibilitava de voar. A ave permaneceu aos cuidados da equipe de médicos veterinários.