HCFMB e Secretaria da Saúde se unem contra a dengue

A diretoria dos Prontos Socorros Adulto, Pediátrico e Referenciado do Hospital das Clínicas, juntamente com as equipes de Vigilância Epidemiológica, Vigilância Ambiental em Saúde, e o Setor de Educação e Comunicação em Saúde da Secretaria da Saúde Municipal, criaram a padronização do Fluxo de Notificação dos Casos Suspeitos de Dengue (Protocolo), em Botucatu.

O protocolo serve única e especificadamente para que as equipes de saúde consigam reduzir a morbimortalidade por dengue na região, além de implementar as ações de promoção, prevenção e controle da dengue, fomentar a mobilização social, detectar precocemente os casos e prestar assistência especializada aos pacientes com dengue.

Este protocolo trabalha com a identificação dos casos suspeitos ou confirmados, atendimento e encaminhamento dos casos às Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Botucatu ou Unidades de Internação do HCFMB e notificação dos casos suspeitos ou confirmados à Vigilância Epidemiológica.

“Este protocolo foi criado para que todas as equipes de saúde da cidade trabalhem em sincronia com o que foi proposto pelo Ministério da Saúde, de acordo com a realidade do nosso município, além de capacitar e sensibilizá-los”, explica Silvia Eduara Kennerly, diretora dos Prontos Socorros, gerenciados pelo HCFMB.

Da Assessoria