Família pede doação de sangue a menino que luta contra leucemia

A família do Miguel Piva, um menino de três anos, está mobilizando os internautas com uma campanha para doação de sangue. O menino faz tratamento contra a leucemia, no Hospital das Clínicas de Botucatu e alerta, por meio da campanha “Todos por Miguel”, a falta de sangue no hemocentro da unidade.

O hemocentro de Botucatu pode receber até 80 doações ao dia, mas o estoque de sangue está abaixo da média. Para aumentar o número de bolsas de sangue, grupos se reúnem para praticar a boa ação.

No caso do Miguel, o tipo sanguíneo dele é o AB+. O menino pode receber doações de todos os tipos. Sandro de Freitas Machado, pai de Miguel, é um dos organizadores da campanha. Ele também alerta para a doação de plaquetas.

“Quem é doador de sangue pode doar plaqueta. A gente está nessa campanha agora tentando conscientizar o povo a fazer doação e manter o banco abastecido. O pessoal pergunta se o Miguel está precisando hoje. Não, mas ele pode precisar a qualquer momento”, diz.

(Fonte: G1)