Está tudo pronto para a inauguração do novo Pronto Socorro

Está tudo pronto para a inauguração do novo Pronto Socorro. A nova unidade hospitalar será um serviço público de excelência que complementará o trabalho executado nos postos municipais.

“A saúde municipal e regional está vivendo um grande momento”. Foi o que disse o secretário municipal de Saúde e vice-prefeito, professor Antônio Luiz Caldas Júnior sobre a expectativa que cerca a inauguração do novo Pronto Socorro Adulto “Dr. Virgínio José Lunardi”, localizado ? Rua Joaquim Lyra Brandão, nº 285, Vila Assumpção, prevista para ocorrer na próxima segunda-feira (18), ? s 14 horas, com presença do governador Geraldo Alckmin.

A mais nova unidade de atendimento médico de urgência e emergência é fruto de uma parceria entre a Prefeitura de Botucatu e a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, sob gestão do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (HCFMB) e oferecerá atendimento 24 horas em casos de menor gravidade nas especialidades de clínica médica geral e ortopedia para pessoas acima de 15 anos. O atendimento ao público começa na terça-feira (19), ? s 7 horas. A expectativa inicial é de atender, diariamente, até 300 casos de média complexidade.

A área física total do novo Pronto Socorro é de 1.588 metros quadrados e inclui: seis consultórios médicos; sala para inalação; sala de gesso; duas salas para curativos; duas salas para atendimento de emergência; 12 leitos de observação e dois leitos para isolamento; sala para Raio-X; equipamento de Tele eletrocardiograma, conectado ao Instituto de Cardiologia Dante Pazanezze.

O PS foi construído em 2008, ao custo de aproximadamente R$ 1,5 milhão, mas logo no início do ano seguinte a atual Administração Municipal do prefeito João Cury Neto/Profº Caldas identificou inúmeras irregularidades. Na tarde desta quinta-feira, Caldas e os diretores da Unesp visitaram as instalações do novo PS e distribuíram um relatório de tudo que foi necessário fazer para o PS pudesse entrar em operacionalidade.

“Foi preciso investimento de mais R$ 200 mil para adequações estruturais do prédio que incluíram substituição do telhado, de toda parte elétrica e gás, nova pintura e reforma para a inclusão de um posto de enfermagem”, ressaltou Caldas.

O Governo do Estado ainda repassará outros R$ 800 mil para a compra de novos equipamentos, além de dois terços do custeio mensal do serviço, calculado em R$ 480 mil. A Prefeitura de Botucatu ficará com a responsabilidade de injetar outro um terço deste valor. O convênio entre HCFMB, autarquia da Secretaria de Saúde do Estado, e a Prefeitura de Botucatu foi assinado na manhã do dia 14 de abril durante o ato cívico em comemoração ao aniversário de 156 anos da Cidade.

O mais novo equipamento público proporcionará maior retaguarda aos serviços prestados pelo Hospital das Clínicas da Unesp, que dará prioridade aos casos de alta complexidade, em todas as especialidades médicas. O grupo de mais de 50 funcionários do novo Pronto Socorro, além dos profissionais de resgate do Município, já está devidamente capacitado para orientar e direcionar os futuros usuários ao Pronto Socorro.

Já o Pronto Atendimento do Hospital Sorocabana, localizado na Vila dos Lavradores, continuará normalmente a atender a população até o dia 30 deste mês. Após essa data, o espaço será reestruturado para atuar também como um local de urgência e emergência de média complexidade, mas voltada ? área de pediatria. Enquanto o PS do Hospital Regional Sorocabana passar por adequações, o Hospital das Clínicas continuará a atender todos os casos infantis.

O PS “Dr. Virgínio José Lunardi” será um serviço público de excelência que complementará o trabalho executado nos postos municipais de saúde. O prefeito João Cury conseguiu investimentos do Governo do Estado para um novo Hospital Estadual com capacidade de 80 leitos e uma Clínica de Reabilitação para Dependentes Químicos que estão em fase de construção na região próxima ao Aeroporto Estadual Tancredo Neves e Fatec (Faculdade de Tecnologia). “O objetivo do Poder Público Municipal é oferecer o melhor atendimento gratuito ? população e desenvolver Botucatu como um dos principais polos da saúde no Estado de São Paulo”, frisou Caldas.

Fotos: Valéria Cuter
Fonte: Secretaria de Comunicação