Dia Mundial de Doação de Leite Humano é celebrado pelo Hospital das Clínicas

A tarde da última quinta-feira (19) foi marcada por uma comemoração ao Dia Mundial de Doação de Leite Materno no Buffet Panela de Barro, na Vila Antártica (Botucatu), proporcionada por funcionários e colaboradores do Banco de Leite Humano (BLH) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB), além de empresas parceiras.

Dentre as atividades, houve a exibição de um vídeo institucional do BLH, sorteio de brindes, entrega de rosas e certificados de "mãe doadora" às que puderam estar presentes no evento, além de homenagens especiais e de uma aula abordando a utilização dos slings, carregadores de bebê não estruturados que podem ser usados nas primeiras fases da vida da criança (desde recém-nascidos prematuros até crianças de 4 a 5 anos).

Tatiana Gianeti, uma das proprietárias da empresa Mamy Mamy Wrap Sling e condutora da aula, afirmou que a parceria com o Banco de Leite vem de alguns anos, sendo que ela mesma já doou leite por 2 anos. "O ato de doar é extremamente importante, pois supre a necessidade de quem mais precisa. Leite é vida e é mais importante do que qualquer tipo de fórmula.

Já Fabiana Factori Ferreira, enfermeira da Medicina Preventiva da Unimed Botucatu, ressaltou a importância da parceria da empresa com o Banco de Leite, que ocorre desde 2011, para auxiliar as crianças a terem menos riscos de alergia e aumentarem sua imunidade. "As mães entram em contato com a Unimed ou pelo Disque Amamentação e nós orientamos toda a captação. Algumas mães preferem tirar em casa o leite para doar: então, nós entregamos touca, máscara e um frasco, e orientamos como tirar o leite, com um protocolo específico".

Alessandra Lucchesi de Oliveira, representando o Rotary Club Botucatu Bons Ares, parabenizou toda a equipe pelo trabalho e ressaltou que o gesto de doar está em sintonia com a filosofia estabelecida pelo Grupo. A entidade doou slings para as mães doadoras. "Espero que este evento de hoje venha instaurar em todas as mães essa possibilidade de doar. Eu tenho filhos e fiz doação de leite. Agora, com todo este processo que vocês fazem no Hospital, com tanta higiene e preocupação, espero que todas as mães que amamentam entendam que a doação de leite é como a de sangue: salva vidas".

Waldomiro Aparecido Chavari, proprietário do Buffet Panela de Barro, não conteve a emoção ao falar da importância deste evento. "As mães e os bebês são os mais importantes neste evento e nós estamos sempre presentes para colaborar com o que for preciso". Segundo o filho Diogo Augusto Chavari, a parceria com o HCFMB já vem de longa data, com outros setores. "Meu pai se engaja muito nestas ações para ajudar as pessoas. É um prazer participar disso e, no que a gente puder ajudar, estamos à disposição".

Outro apoiador do BLH presente no evento foi o músico Ramiro Viola – "Para a dupla (Ramiro Viola & Pardini), é sempre bom fazer parte colaborando naquilo que está ao nosso alcance e ser útil ao próximo. Eu sempre falo o seguinte: às vezes, a mãe que tem seu pequeno e percebe que a blusa ficou molhada, precisa lembrar que não sobrou leite, mas está faltando para quem precisa".

Além dos funcionários, das empresas parceiras, das mães e de suas famílias, o evento também contou com a presença de algumas autoridades, como a presidente do Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Botucatu, Rachel Ferronato Cury. "Há quase oito anos, tive minha primeira filha e eu me lembro que, na época, a nutricionista do BLH me convidou para ser a madrinha. Desde então, eu venho acompanhando o trabalho de vocês. Eu faço muito pouco perto do que vocês fazem. O trabalho que o BLH faz de levar as informações e fortalecer a conscientização das pessoas é fundamental. Parabenizo a todas pelo trabalho, pela doação e pela maternidade".

Representando a Secretaria Municipal de Saúde, a enfermeira Maria Cristina Heinzle, destacou a parceria com o Banco de Leite em treinamentos e capacitações para o incentivo ao aleitamento materno. "Sou enfermeira e sou mãe também, então sou suspeita para falar porque o aleitamento é a minha causa. Fico emocionada em saber o valor que vocês, mães, dão a este ato maravilhoso, que não é fácil. Podem contar sempre com a nossa ajuda".

Dra. Saskia Maria W. Fekete, médica responsável pelo Banco de Leite, demonstrou sua satisfação pelo prestígio dado ao Dia Mundial de Doação de Leite Materno e pela presença de todos. "É muito gostoso trabalhar com doação de leite porque, na verdade, são pessoas que se doam pelas outras, e é um prazer compartilhar emoções e experiências com elas. Muito obrigada a todos que fazem parte da nossa vida, do dia-a-dia do Banco de Leite, mas quem mais agradece, principalmente, são os pequenos. Eu acredito que o nosso sucesso vem muito desta equipe do BLH, porque ela é unida e todo mundo se dá super bem.", finaliza.

Além dos apoiadores já citados na matéria (Unimed, Mamy Mamy Wrap Sling, Rotary Bons Ares, Ramiro Viola e Buffet Panela de Barro), outras parcerias também contribuíram para que o evento acontecesse: Gold Silver, Padaria do Ceranto, Panificadora Bartoli, Padaria Flor de Botucatu, Silvana Flores, Tenda Supermercado, Casa de Bolos e Malu Ornelas.

Solidariedade de mãe para filha

Entre as 13 mães doadoras presentes no evento, estava a recepcionista Larissa Cristiane Vieira Campos, de 25 anos, acompanhada do pequeno Arthur. A mãe de Larissa, Elba Carla, é Técnica de Enfermagem no próprio Banco de Leite. "A minha mãe me ajuda muito, por trabalhar no Banco de Leite, e me auxilia a ajudar os bebês que precisam, para que eles possam crescer assim como o meu. Isso é muito gratificante". Atualmente, no Banco de Leite Humano do HCFMB, são 45 mães doadoras de Botucatu e 19 das cidades vizinhas.

Para doar leite materno, as mães interessadas devem:
– Entrar em contato com o Banco de Leite Humano do HCFMB para efetuar sua inscrição como Mães Doadoras de Leite Humano;
– Informar seus dados: nome completo, endereço atualizado, telefone, cidade e principalmente se a mãe está amamentando seu próprio filho.
– Programar a data da primeira visita no domicílio para receber as orientações de retirada do Kit de Coleta de Leite e conhecer todo o trabalho de atenção dispensada pela equipe do BLH.