Campanha contra aids realizou mais 2 mil testes

Foi encerrada a campanha “Fique Sabendo”, voltada para a prevenção do HIV/Aids. A ação foi promovida pelo Governo do Estado de São Paulo em parceria com os poderes públicos municipais. A mesma teve como objetivo mobilizar e incentivar a população a fazer o teste do HIV/Aids durante o mês de novembro até 1º de dezembro, buscando a conscientização sobre a importância da realização do exame para o diagnóstico precoce.

Nesse período, a Secretaria Municipal de Saúde que fica ? Rua Major Matheus, nº 7, Vila dos Lavradores realizou, por meio do Programa Municipal DST/Aids, testes rápidos de detecção em empresas, faculdades e na Praça Emílio Peduti [Bosque], além de testes convencionais nas unidades de saúde no Município de Botucatu.

De acordo com dados da Vigilância Epidemiológica de Botucatu, foram realizados 2.037 testes rápidos e 444 testes convencionais durante a campanha, mantendo a média alcançada em 2011. Foram diagnosticados dois casos reagentes durante a testagem rápida, porém ainda não foram liberados os resultados para testagem convencional. Esses números demonstram que pessoas que podem estar infectadas não foram testadas.

No Brasil, o índice da doença é de 0,6% da população total, sendo 0,4 para mulheres e 0,8 para homens. Efetuando o cálculo com base nessas variáveis, estima-se que em Botucatu haja um número correspondente a aproximadamente 800 pessoas infectadas.

De acordo com a assessoria da Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB), o Serviço de Ambulatórios Especializados de Infectologia “Domingos Alves Meira”, referência regional e estadual no tratamento da doença, presta assistência atualmente a cerca de 600 pessoas com HIV. Deste total, aproximadamente 300 são de Botucatu, que isoladamente registra a cada ano 70 novos casos em média.

O teste precoce para detecção da aids é fundamental para o sucesso do tratamento. Por enquanto, ainda não existe cura para a doença, mas o tratamento permite viver bem por um longo tempo. Além disso, se uma pessoa possui o HIV e não tem conhecimento disso, além de não se tratar, pode transmitir o vírus involuntariamente.

{n}O que é AIDS{/n}

A aids é a síndrome da imunodeficiência adquirida, uma doença causada por um vírus chamado HIV. Ele ataca as células responsáveis pelas defesas do organismo e aumenta a chance do aparecimento de doenças oportunistas (infecções e tumores). Pode ser transmitido por meio de sexo sem utilização de camisinha, pelo compartilhamento de seringas e agulhas ou durante o aleitamento materno.