Tudo pronto para Festa de Corpus Christi em São Manuel

A Prefeitura Municipal de São Manuel divulgou as atividades previstas para a próxima quinta-feira (30) em comemoração a 65ª Festa do Corpus Christi. O evento é tradicional e reúne milhares de pessoas da cidade e da região. A festa, que reúne fé, arte e vida, é promovida através das diretorias de Turismo, Esportes, Cultura e Comunicação, em conjunto com as Paróquias São Manuel, Nossa Senhora Consolata e Santuário Nossa Senhora Aparecida.

A programação religiosa começa ? s 7 horas do dia 30 de maio, com missa realizada na Igreja Matriz de São Manuel. Em seguida, das 9 ? s 14 horas, acontece a Adoração ao Santíssimo Sacramento, no Santuário de Santa Terezinha. A partir das 15 horas, também será realizada Missa Campal na Praça do Santuário de Santa Terezinha. Ela será presidida por Dom Maurício Grotto de Camargo, arcebispo metropolitano de Botucatu. Após seu encerramento, tem início Procissão até o Altar Monumento, em frente a Igreja Matriz de São Manuel, onde haverá pregação e benção do Santíssimo Sacramento.

No dia anterior, ou seja, na quarta-feira (29), véspera do feriado, tem início a programação festiva do evento. As barracas das entidades assistenciais do município vão ficar localizadas na praça de alimentação, no Pátio do Santuário de Santa Terezinha das 19 horas de quarta, até ? s 22 horas de quinta-feira.

O tema deste ano proposto pela Campanha da Fraternidade é “Eis-me aqui, envia-me” (Isaias 5-8). Ao todo, 22 trabalhos artísticos serão apresentados ? comunidade. Neste ano, vão ser utilizados bagaços de cana e sal, ambos tingidos, para a composição dos tapetes. As obras, que representam as estações da via sacra, são reproduções dos vitrais do artista plástico Cláudio Pastro, que gentilmente autorizou a utilização da imagem de suas obras. O artista também tem exposto o seu trabalho aqui por São Manuel, ele é responsável pelo altar da capela Cristo Rei, que fica nas dependências da antiga empresa Santa Fé Agroindustrial.

{n}Histórico da festividade{/n}

A origem da Solenidade do Corpo e Sangue de Cristo remonta ao século XIII. A festa de Corpus Christi foi decretada pelo papa Urbano IV em 1269. Já a procissão surgiu na cidade de Colônia, na Alemanha e depois se difundiu pela França e pela Itália. A celebração ocorre sempre 60 dias após a Páscoa, podendo cair, assim, entre as datas de 21 de maio e 24 de junho.

Em São Manuel, a tradição de enfeitar as ruas no dia do Corpus Christi teve início no ano de 1949, com a professora Tereza Mazzuco. Naquele tempo os trabalhos eram confeccionados com flores.

A partir de então, a educadora passou a organizar os trabalhos todos os anos. Com o passar do tempo, ela começou a aprimorar e inovar os temas de tapetes e passadeiras. Os materiais utilizados foram se diversificando e pó de café, tampinhas de garrafas e vidro passaram a fazer parte das composições artísticas.

Com a iniciativa de Tereza Mazzuco e o trabalho voluntário da população, não demorou muito para que a festa do Corpus Christi de São Manuel se tornasse uma das referências turísticas do Brasil, se destacando com a tradição da procissão e dos trabalhos que enfeitam as ruas por onde ela passa.

A organização do evento antecipa que em caso de chuva forte que impossibilite a realização dos trabalhos dos tapetes, passadeiras e das barracas, os enfeites, a praça de alimentação e a procissão serão transferidos para o domingo, dia 2 de junho, no mesmo local e horário.

O trabalho idealizado por Rubens de Camargo e confeccionado pela artista plástica Carla Panini, mostra colunas, ao longo dos enfeites, que representam rochas como no Santo Sepulcro de Jesus e sobre elas buquês de girassóis, flor símbolo da ressurreição.