São Manuel confirma desfiles e cancela bailes no carnaval

Notícias divulgadas pela assessoria de comunicação de São Manuel na tarde desta quinta-feira (5) apontam que o prefeito Marcos Monti (foto) , embora aponte dificuldades financeiras neste início de ano, decidiu, junto ? sua equipe de governo, apoiar os blocos organizados no município.

O apoio atende aos blocos @Oba!, Nega Maluca e Cãofolia, todos organizados e com programação própria. No caso do bloco @Oba!, a Prefeitura cedeu o espaço físico para o evento e banheiros químicos para o uso dos foliões. Aqueles que acompanham o bloco Nega Maluca contarão com a estrutura de palco e banheiros químicos. Aos seguidores do Cãofolia foram cedidos sistema de som e do espaço físico.

A apresentação da Escola “Samba no Sangue” está confirmada para o domingo (10), no Distrito de Aparecida, a partir das 17 horas. Na terça-feira (12), a escola se apresenta na Avenida Irmãs Cintra, atrás da Praça do Santuário, a partir das 15 horas. Essas apresentações não irão gerar custos ao Município, já que serão animadas pelo caminhão de som cedido pelo deputado federal Milton Monti.

As demais festividades para o Carnaval 2013, como bailes e matinês programados para os dias 9, 10, 11 e 12, foram canceladas em razão das dificuldades financeiras do município. De acordo com os responsáveis pelo evento, os altos custos para contratação de banda para animação, iluminação, som, palco e segurança do público inviabilizaram o Palácio de Momo no Recinto Mário Covas.

A medida foi tomada em caráter de emergência porque a administração está priorizando os recursos disponíveis para recompor os danos em ruas e pontes causados pelas fortes chuvas que castigaram São Manuel em janeiro, além de assegurar o funcionamento dos demais serviços públicos, como a limpeza da cidade, por exemplo.

“Nossa cidade enfrenta grandes desafios em todas as áreas e ao mesmo tempo neste início de ano. A cidade precisa reconstruir ruas, avenidas e pontes destruídas, precisa melhorar imediatamente a precária coleta de lixo, recompor a frota de veículos que prestam serviços ao cidadão são-manuelense, que está sucateada. Para onde nossa equipe de governo olha, há muito trabalho a ser feito para melhorar a vida do povo de São Manuel. Vamos fazer tudo isso. Mas, neste momento, estamos priorizando aquilo que é mais urgente”, declarou o prefeito Marcos Monti.

Além de investir recursos próprios para recuperar os estragos das chuvas, a administração municipal aguarda resposta da Defesa Civil do Estado de São Paulo, que deve visitar São Manuel e avaliar a extensão dos estragos. A expectativa do prefeito sãomanuelense é que o Governo do Estado ajude com recursos financeiros para reconstruir, pelo menos, as ruas e pontes destruídas pelas chuvas do dia 16 de janeiro.