Rapaz furta trailler e acaba morto por espancamento

Um caso de furto qualificado a estabelecimento comercial seguido de lesão corporal e morte foi atendido pelos policiais militares cabo Rodrigo e soldado Barrem, na Avenida Francisco Pagliato, Distrito de Aparecida de São Manuel, no Distrito Industrial no pátio do Auto Posto Pedra Branca. O crime aconteceu na manhã deste domingo, por volta das 5h20.

A equipe foi solicitada para atender a uma ocorrência em que teria um homem caído no pátio do posto de combustíveis. Esse homem identificado como Roberto de Lima Campos, de 30 anos, estava caído com graves ferimentos na região da cabeça, aparentando ter sido espancado. Ele ainda foi socorrido com vida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho do hospital.

Apurou a polícia que Campos acompanhado de outro cidadão identificado como Alex (que conseguiu fugir e está sendo procurado), teria praticado furto contra um trailler, que fica na área externa do posto, mas o ato criminoso teria sido presenciado por um grupo de pessoas que passavam pela rua e ao se certificarem de que se tratava de um crime passaram a agredi-lo a socos e pontapés. O estabelecimento pertence a Ronaldo Thineu, que não estava no local quando o furto aconteceu, já que o trailler estava fechado.

Uma testemunha (que terá o nome preservado por motivos óbvios), informou aos PMs que Roberto e Alex teriam arrombado o trailler e furtado latinhas de cerveja e outros produtos alimentícios e fugido sentido ao auto posto. Porém foram interceptados por pessoas não identificadas, que após a agressão fugiram do local. A testemunha não soube informar quantas pessoas participaram dessa agressão.

Caso foi encaminhado ao Plantão Policial, onde o Boletim de Ocorrência BO foi elaborado. O crime será investigado pela Polícia Civil, por intermédio do Setor de Investigações Gerais (SIG) de São Manuel que tem no comando o delegado José Mário Toniato. O primeiro passo será localizar Alex, que estaria ao lado de Roberto de Lima Campos, quando a agressão aconteceu.