Quadrilha explode caixas eletrônicos em Pardinho

Por volta das 4 horas da manhã desta quarta-feira, componentes de uma quadrilha especializada que há vários meses vem agindo na região estouraram dois caixas eletrônicos da agência do Banco Santander, instalado na Rua Tenente Pedro Egidio, região central da cidade de Pardinho.

Segundo informações passadas por testemunhas cerca de seis indivíduos fortemente armados e ocupando dois veículos (um Honda Fit de cor prata e outro de porte pequeno de cor preta e que não teve o modelo identificado),  usaram bananas de dinamite para explodir os caixas da agência que ficou bastante danificada.

O que os marginais não esperavam era que os caixas estavam sem dinheiro e eles fugiram sem levar nada.  As agências bancárias da cidade retiram o dinheiro dos caixas no final da tarde desde o furto ocorrido em agosto do ano passado. Vale lembrar que em 2014 a cidade de  Pardinho sofreu três ataques, provavelmente, desta mesma quadrilha.

Atenderam a ocorrência os policiais militares cabos Bernardo e Renato de Pardinho com apoio da 1ª Companhia de Botucatu com o tenente Bruno, sargento Rosivaldo e outras viaturas das cidades próximas. Não houve confronto com a PM, nem ataque a base policial, como já aconteceu em outros crimes desta natureza e nenhum suspeito foi preso.

A polícia suspeita que seja esta mesma quadrilha a autora de outros crimes desta natureza cometidos em Porangaba, Pratania, Itatinga, Santa Maria da Serra, Areiópolis,  Anhembi, Distrito de Aparecida de São Manuel,  Torre de Pedra, Bofete, entre outras. A maioria desses municípios já foi furtada mais de uma vez. Criminosos vêm de grandes centros como São Paulo, estudam o local a ser assaltado e agem no momento oportuno. A preferência por cidades de pequeno porte é em razão do reduzido número de policiais.