Polícia Civil esclarece roubo durante “Operação Quaresma”

Nesta quarta-feira (6) a Polícia Civil de São Manuel, durante a “Operação Quaresma”, deflagrada para coibir os mais diferentes crimes, esclareceu um roubo ocorrido na manhã do último sábado (02), numa loja de artigos de ferro, localizado na Avenida José Horácio Mellão, região central da Cidade.

No dia do crime, ao abrir o estabelecimento por volta da 07h30min, uma funcionária foi abordada por um rapaz desconhecido que, simulando estar armado, obrigou a moça a entregar aproximadamente R$ 280,00 que havia no caixa. Júlio ainda foi perseguido por um dos proprietários da loja, porém, conseguiu lançar-se num pequeno rio no Bairro Rosolino, conseguindo fugir.

Os policiais civis Guiari, Vô e Bola, supervisionados pelo delegado José Mário Toniato, depois de três dias de investigação renderam o acusado e o identificaram como sendo Júlio César Vicente de Oliveira, de 24 anos de idade. Segundo o Boletim de Ocorrência da Polícia Civil, ele teria confessado a autoria do delito e acabou indiciado no artigo 157 do Código Penal (roubo) e poderá ter sua prisão preventiva decretada a qualquer momento.

{tam:25px}Adolescentes no tráfico{/tam}

{bimg:38365:alt=interna:bimg}

Ainda em ação da “Operação Quaresma”, os policiais civis de São Manuel apreenderam em flagrante delito dois adolescentes com 16 e 15 anos, respectivamente, que praticavam a venda de crack nas proximidades do Cemitério da Cidade. O Setor de Investigação e de Inteligência, investigavam os menores há 40 dias e a apreensão foi feita por André, Malta, Vô, Guiari, Bola e Luis.

Com os menores foram encontradas 16 pedras de crack embaladas individualmente para a venda e a quantia de R$ 100,00 em notas fracionadas. Os menores ficaram ? disposição do Juizado da Vara da Infância e Juventude.