PM realiza flagrante de tráfico e porte ilegal de arma

Na manhã deste sábado (23) ao atender uma ocorrência de agressão e ameaça, os policiais militares cabo Pacheco e soldado Barrem, contando com apoio do sargento Bueno e soldado Leonardo, que fazem parte da equipe da 2ª Companhia da PM de São Manuel, comandada pelo capitão Aleksander, acabaram realizando flagrantes de tráfico de entorpecentes e porte ilegal de arma de fogo.

Tudo começou quando uma mulher de nome Gisele Cristina compareceu ao Plantão Policial para denunciar uma agressão praticada contra ela pelo amásio chamado Eliel Aparecido Ribeiro dos Santos, de 26 anos de idade, que a teria ameaçado com um revólver. A desavença entre o casal aconteceu na Rua Juvenal Floriano de Toledo, nº 20, região da Cohab III.

Com a autorização da mulher os policiais militares entraram na casa e no quarto do acusado, vistoriando o guarda-roupa em busca da arma, apreenderam 43 porções de cocaína embaladas e prontas para venda direta ao usuário. Através da genitora do acusado, os policiais descobriram que por causa da briga com a mulher Eliel Santos teria entregado o revólver para um vizinho guardar.

O revólver é um Taurus calibre 38, cromado, com capacidade para cinco tiros e com numeração raspada, que esse vizinho devolveu ? PM. A arma que estava desmuniciada (sem balas) havia sido escondida no forro de sua residência. Eliel alegou que havia comprado a arma há três anos, mas não se lembra o nome do antigo proprietário.

Todas as pessoas envolvidas nessa operação policial foram conduzidas ao Plantão Permanente, onde o delegado José Mário Toniato, indiciou Elias Santos em crime de tráfico de entorpecentes e porte ilegal de arma de fogo, determinando seu recolhimento ? Cadeia Pública local, onde permanece ? disposição da Justiça. As demais pessoas prestaram depoimento como testemunhas e foram liberadas.