Pecuarista é assassinado em uma festa com várias facadas

A rede policial de toda região está em busca de um cidadão identificado como sendo José Augusto de Carvalho, conhecido como “Guto”, de 33 anos de idade, que é apontado como o autor de um homicídio doloso, cometido no Sítio Tijuco Preto (Solano), na zona rural da cidade de Pardinho, na noite deste sábado, por volta das 21 horas.

Descreve o relatório policial que estava havendo uma festa no referido sítio e houve um desentendimento entre Guto e o pecuarista João Daniel Raniero, de 42 anos de idade. Os homens entraram em luta corporal e Guto acabou desferindo várias facadas contra Raniero.

Após desferir os golpes contra seu desafeto, Guto fugiu se embrenhando em um matagal, levando consigo a arma do crime. Os policiais militares cabo Mayr e soldado Bernardo, estiveram no local e realizaram buscas, mas o acusado conseguiu fugir, aproveitando-se da escuridão.

Raniero foi levado ainda com vida ao hospital da cidade, pela ambulância da Prefeitura Municipal, entretanto, em razão da gravidade dos ferimentos causado pelas facadas, não resistiu e veio a entrar em óbito.

Como o cidadão assassinado era bastante conhecido em Pardinho, houve uma aglomeração de pessoas em frente ao hospital, que buscavam informações, chegando inclusive haver discussão, gerando um grande tumulto e tentativa de invasão ao prédio, sendo necessário o reforço de várias viaturas, para que os ânimos fossem serenados.

O Boletim de Ocorrência (BO) foi confeccionado e o setor investigativo da Polícia Civil entende que a prisão do acusado é, meramente, uma questão de tempo. Como o homicídio doloso é de autoria conhecida a descrição de Guto já foi passada a toda rede policial da região. Outra possibilidade levantada pela polícia é que ele procure respaldo com um advogado para que possa se entregar.

Foto – Divulgação