Operação Alçapão tira acusados de tráfico de circulação

A “Operação Alçapão desencadeada pelo Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil de São Manuel após seis meses de investigação efetuou a prisão de um grupo de cinco elementos como integrantes de uma quadrilha especializada em tráfico de entorpecentes.

Foram apontados como narcotraficantes Wellington Rodrigo Moura, o “Lelo”; Victor Henrique dos Santos; Heberton Eugênio da Silva; Willian da Silva Moraes, o “Monstrão”, e Marcos Furtado de Araújo, o “Alemão”. Desses apenas Lelo Moura estava em liberdade, mas foi preso nesta quarta-feira (19) numa ação dos policiais Bola, André, Marcos e Luis, que tinham um mandado de prisão.

Polícia reconhece Lelo como um marginal de alta periculosidade e o classifica como o chefe da quadrilha e membro da facção criminosa denominada Primeiro Comando da Capital (PCC), que age nos presídios paulistas. Ainda segundo a polícia, as investigações estão em andamento com o intuito de prender outros membros da quadrilha.

Fonte: Rádio Integração