Filho com várias passagens policiais tenta matar pai idoso a facadas

Em patrulhamento pelo centro da Cidade a equipe Grupo Especial de Patrulhamento Motorizado (GEPAM) da Guarda Municipal de São Manuel, composta pelo subcomandante Freitas e agentes Roque e Leandro, deparou-se com um senhor chamado Lázaro Aparecido de Miranda, 62 anos, correndo pela rua, ofegante, clamando por socorro e bastante assustado.

Após ser acalmada a vítima informou aos agentes que seu filho Daniel de Oliveira Miranda, 26 anos, o havia agredido. Depois de uma discussão, os dois entraram em luta corporal e Daniel apoderou-se de uma faca, tentando atingi-lo contra o peito. Diante da situação, Lázaro deixou sua residência para pedir socorro.

Daniel Miranda é dependente químico e bastante conhecido nos meios policiais e já respondeu por crimes por infringir os artigos 121 (homicídio), 157 (roubo), 155 (furto), 171 (estelionato), 329 (resistência), 330 (desobediência), 331 (desacato) e 147 (ameaça).

Em patrulhamento a guarnição localizou o indiciado que ainda estava em poder da faca com a qual tentou matar o pai. Iniciou-se um dialogo e o averiguado negava-se deixar a arma, ameaçando a equipe, fazendo ameaças. Após minutos de conversa ele cedeu e entregou a arma aos agentes.

Ele confirmou a versão de seu pai afirmando que, realmente, queria matá-lo. Pai e filho foram conduzidos ao Plantão Policial, onde foi confeccionado o Boletim de Ocorrência (BO) de ameaça. Como não se consumou a agressão contra a vítima ele não foi preso em flagrante. Após ser ouvido foi liberado responderá o processo criminal em liberdade.