Estelionatário é flagrado com cheque adulterado

Foi numa ação feita em uma loja de ração na Rua Antônio Brasil, região central da Pratânia, onde os policiais militares cabo Roger e soldado Carlos realizaram a prisão de Genivaldo de Brito da Cruz.

Durante patrulhamento, os policiais foram acionados pelo proprietário daquele estabelecimento comercial informando que o indiciado havia tentado trocar um cheque aparentemente adulterado. Com as características do mesmo em mãos os policiais militares iniciaram patrulhamento e conseguiram localizá-lo próximo a um bar.

Ao perceber que os policiais vinham em sua direção, Cruz tentou se evadir, porém, foi abordado e devido o mesmo se encontrar bastante alterado foi necessário uso de força física moderada para contê-lo. No bolso dianteiro de sua bermuda foi encontrado um cheque do banco Itaú em nome de M.C.S., preenchido no valor de R$ 30,00 (trinta) reais com uma adulteração grosseira para o valor de R$ 300,00 (trezentos reais).

Já da delegacia, o indiciado tentou se evadir no momento em que era colocado na cela, sendo novamente necessário o uso de força física e spray pimenta. O delegado Geraldo Franco Pires ratificou a prisão elaborando flagrante de tentativa de estelionato, sendo o indiciado, que possui diversas passagens pela polícia, conduzido ? Cadeia Pública de Itatinga.