Corpus Christi de São Manuel teve obras de Romero Britto

Fotos: Valéria Cuter

 

Cultura, criatividade e religiosidade marcaram a 66ª edição da procissão de Corpus Christi, de São Manuel, que atraiu um grande número de turistas vindo de diferentes cidades da região e até do estado. Isso porque os tradicionais enfeites de rua (tapetes e passadeiras) foram reproduções de famosas obras de Romero Britto, pintor e artista plástico brasileiro de renome mundial.

Com essa iniciativa a cidade ganhou projeção nacional e, por que não dizer, internacional. Para o prefeito Marcos Monti: “A parceria com a Galeria Roberta Britto em São Paulo, aliada ao trabalho voluntário da população levou o nome do município para todo o país, confirmando a dedicação e a religiosidade de seu povo”.

Os contatos para que esse evento se realizasse foram feitos por Roberta Britto, irmã do artista e proprietária da Galeria Britto, na Rua Oscar Freire em São Paulo, e além da reprodução dos trabalhos nos tapetes e passadeiras fez exposição com obras dele no Museu Histórico e Pedagógico “Padre Manuel da Nóbrega”, em São Manuel. A exposição com 30 trabalhos do artista, entre telas e esculturas, foi aberta dia 16 de junho e se estende até o dia 6 de julho.

Sobre os enfeites do Corpus Christi, as equipes que fizeram os trabalhos de rua da procissão concordaram com a ideia de utilizar as obras de Britto depois de reuniões com os padres responsáveis pelas paróquias da cidade, que acharam interessante para promover a cidade e a festa. A escolha das obras, dentre as diversas feitas por Romero, foi as mais se adequaram ao tema da festa católica.