Corpus Christi 2014 contará com a arte de Romero Britto

Prestes a realizar a 66ª edição da procissão de Corpus Christi, uma tradição do município, São Manuel vive um clima diferente. E esse sentimento tem um motivo: a informação de que os tapetes e passadeiras serão reproduções de famosas obras de Romero Britto, pintor e artista plástico brasileiro de renome mundial.

É notória a empolgação dos são-manuelenses em relação à iniciativa, principalmente de pessoas ligadas à arte e que conhecem muito bem o estilo e o talento de Britto. Crianças têm contato com os traços do artista em produtos nas gôndolas de supermercados, e os internautas compartilham fotos e fazem comentários positivos sobre seu trabalho.

São Manuel, certamente, ganhará projeção nacional e, possivelmente, internacional, com a procissão deste ano, e estará de portas abertas para receber os milhares de turistas que virão à cidade para prestigiar essa grande festa. Para o Prefeito Marcos Monti: “a parceria com a Galeria Roberta Britto em São Paulo, aliada ao trabalho voluntário da população, deve levar o nome do município para todo o país, confirmando a dedicação e a religiosidade de seu povo”.

Na semana passada, antecedendo os eventos que confirmaram a participação do artista, Roberta Britto – irmã de Romero e proprietária da Galeria Britto, na Rua Oscar Freire em São Paulo, e com quem foi firmada a parceria – esteve visitando São Manuel. Ela ficou maravilhada com a cidade, tanto que, além da reprodução dos trabalhos de Romero nos tapetes e passadeiras de Corpus Christi, garantiu a realização de uma exposição com obras dele no Museu Histórico e Pedagógico “Padre Manuel da Nóbrega”. A exposição com as obras de Romero Britto tem abertura programada para o dia 16 de junho, véspera do aniversário da cidade, e deverá se estender até o dia 6 de julho. Serão expostos 30 trabalhos do artista, entre telas e esculturas.

Em seu último contato, Roberta formulou uma ideia tão logo conheceu nosso museu. Ela se disse disposta a trazer pôsteres promocionais que são vendidos em sua galeria para serem comercializados em São Manuel durante o período da exposição. São vários pôsteres de seis diferentes imagens que custam R$ 50,00 cada, e a proposta é reverter 30% das vendas para o museu local. “Fiquei encantada ao saber que São Manuel tem um museu que conta sua história, e apaixonada pela arquitetura do edifício que o abriga”, falou Roberta. “Por isso, quero colaborar, já que fui tão bem recebida pelos novos amigos que fiz nessa encantadora cidade.”

Sobre os enfeites do Corpus Christi, as equipes que farão os trabalhos de rua da procissão concordaram com a ideia de utilizar as obras de Romero, tanto que, já na primeira reunião, as imagens foram distribuídas a cada participante, e, deu para ver, todos se mostraram satisfeitos.

Antes mesmo do anúncio oficial da parceria com a galeria paulistana, a comissão do Corpus Christi, formada pelos diretores municipais Zigomar Augusto (Esportes e Turismo), Rodrigo Pinheiro (Cultura), Luciano Giacóia (Educação) e Neto Nítolo (Comunicação), em conjunto com Caio Silva e Rubéns de Camargo, que também é artista plástico e tem seus trabalhos fortemente ligados à Igreja Católica, vinha trabalhando no sentido de tornar a procissão deste ano uma das mais bonitas de todos os tempos. Reuniões com os padres responsáveis pelas paróquias da cidade foram realizadas e eles também acharam de bom grado a reprodução das obras de Romero Britto.

Semanas atrás, Romero Britto foi assunto de reportagem no Jornal da  Rede Globo, e o próprio artista falou de seu processo de criação, mostrando alguns de seus trabalhos e citando nomes de celebridades que já retratou, entre eles a Rainha Sílvia, da Suécia, que tem laços com nossa cidade.

Em Miami Beach, Flórida, onde Britto reside e tem seu ateliê, é possível ver grandes esculturas de suas obras a céu aberto. Elas estão em uma praça, de frente para prédios públicos, como o Museu das Crianças da Flórida. O artista pernambucano é bastante conceituado no exterior e muitas vezes comparado a Andy Warhol, o criador da “Pop Art”.