Cãozinho “Valente”, resgatado em Itatinga, poderá ficar com sequelas. Veja vídeo

O filhote de cachorro que foi resgatado amarrado em um córrego na zona rural de Itatinga se recupera bem em uma clínica veterinária da cidade. Ele foi batizado de Valente pela equipe que realizou atendimento. Por conta da gravidade das lesões na pata dianteira esquerda, Valente poderá ficar com sequelas irreversíveis. Ele já está andando, mas ainda com dificuldade (veja vídeo). Na clínica ele passou por procedimentos e ficou sedado durante toda a quinta-feira, 03.

O Acontece Botucatu mostrou o caso do filhote e o assunto ganhou grande repercussão nas redes sociais. Depois da reportagem, a equipe da TV Tem de Botucatu foi à cidade para mostrar a história. Na página do Acontece no facebook, alguns leitores se dispuseram a adotar o animal, pedido que havia sido feito pela empresária que resgatou o cão.

“É um pouco cedo ainda para pensarmos nisso, porque ele deve ficar um tempo na clínica até se recuperar bem. Mesmo assim, temos que frisar que talvez ele fique com problemas irreversíveis na pata, por causa das lesões”, disse ao Acontece, Ana Paula Zanotello. “Fiz um boletim de ocorrência e quero ressaltar que esse tipo de atitude é crime”, alertou.

“Gostaria de chamar a atenção para que as pessoas tenham consciência da adoção. Um cachorro tem vida média de 10 anos e durante todo esse tempo a responsabilidade é do adotante. Não existe descarte quando se trata de uma vida. Toda vida deve ser respeitada”, finalizou Ana Paula.

 

 

 

Veja o vídeo: