Bauru e Iacanga visam implantar programa de Botucatu

Estiveram reunidos nesta quinta-feira  (22) na cidade de Bauru o inspetor do Grupo de Proteção Ambiental (GPA)de Botucatu Leandro Carreira Destro, além dos guardas municipais Carlos e Amâncio, bem como o engenheiro agrônomo Ricardo Henrique Casini Chiarelli da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI), representantes das prefeituras de Bauru e Iacanga, sindicato rural de Bauru e CATI das cidade de Bauru, Iacanga e Piratininga, além do Major PM Flávio Jun Kitazume da cidade de Bauru.

O assunto dessa reunião com as secretarias de Planejamento, Segurança, Desenvolvimento, CATI e PM foi a discussão de experiências de Botucatu na implantação do Programa Municipal de Acessibilidade Rural, que está prestes a ser implantado naquela cidade e discutido metodologia, tecnologia, dentre outros aspectos que foram primordiais no sucesso e aceitação da população rural do município.

Porém, em Bauru, será denominado Programa Rural Inteligente. Esse projeto é um desdobramento do Programa Municipal de Acessibilidade Rural, que fez com que Botucatu fosse a vencedora na categoria “Inovação em Gestão Municipal”, do 8º Prêmio Mário Covas, em maio de 2012.

Baseados na tecnologia de localização dos aparelhos GPS de navegação veicular, foi criado pelo engenheiro agrônomo Ricardo Henrique Casini Chiarelli, da Unidade Técnica de Engenharia, da CATI Regional Botucatu, porém só foi possível com parcerias algumas secretaria da Prefeitura Municipal de Botucatu e da Guarda civil Municipal. O sistema que permite a localização facilitada das propriedades rurais, norteando as viaturas nas ocorrências de emergência na zona rural, melhorando assim a eficiência neste tipo de atendimento. O sistema permite que os condutores das viaturas equipadas com o GPS, tenham a mesma facilidade para encontrar uma propriedade na zona rural do município, assim como teriam para encontrar uma determinada residência na zona urbana.