“Operação Quaresma” prende casal por tráfico de entorpecentes

O Setor de Inteligência da Polícia Civil de São Manuel, dando continuidade a “Operação Quaresma” realizou a prisão de um casal que foi indiciado em crime de tráfico de entorpecentes. A ação se deu na região da Cohab II onde, segundo a polícia, o casal atuava.

O casal Anderson Ferreira de Melo e Mario Eduarda Dálio, com 23 e 19 anos, respectivamente, já estava sendo monitorado pela equipe de investigação há duas em razão do acentuado número de denúncias anônimas que chegaram ? Central Operacional da Polícia Civil daquela Cidade.

Ao adentrarem na residência de Maria Eduarda, foram encontradas 48 pedras de crack embaladas individualmente para a venda e uma pedra bruta de crack pesando 23 gramas que, depois de fracionada, poderia ser transformada em aproximadamente 70 porções para a venda.

De acordo com o relatório policial, Anderson, por sua vez, trabalhava numa grande loja de material de construção da cidade e vendia o entorpecente depois que chegava do trabalho. Em seu interrogatório na Delegacia de Polícia, assumiu a autoria do crime. Participaram da operação os policiais civis André, Bola, Malta, Vô e Luis, Alexandre, e a delegada Ana Carolina de Brito, supervisionados pelo delegado José Mário Toniato.

O casal permanecerá ? disposição da Justiça, sendo que o rapaz foi recolhido ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cerqueira César, enquanto Maria Eduarda foi para Centro de Detenção Provisória de Pirajuí. A pena para pessoas condenadas em crime de tráfico de entorpecentes varia de 05 a 15 anos de reclusão.