Vereadores querem restaurar caminhão da DISE

As drogas e seus malefícios são apontadas por uma grande parcela da população mundial como sendo a grande vilã do século. Com cada dia mais pessoas presas ou mortas por conta do vício ilícito, aumenta a preocupação com a conscientização de crianças e adolescentes. Pensando nisso, o presidente da Câmara, vereador André Rogério Barbosa – Curumim (PSDB) em parceria com o vereador Luiz Francisco Fontes – Fontão (PSDB) apresentaram uma solicitação por uma importante ferramenta, que hoje vive abandonada.

Por meio de um requerimento direcionado à diversas secretarias municipais e também à Polícia Civil, os legisladores pedem para que o caminhão escola, que funcionou por muitos anos sob o comando da Delegacia de Investigação Sobre Entorpecentes  (DISE) e que hoje está abandonado, seja restaurado e esteja apto para ser novamente utilizado em ações como o Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência (PROERD).

De acordo com o vereador Curumim, hoje o caminhão encontra-se encostado e sem sua utilização. “Não preciso nem citar aqui o valioso serviço prestado por esse caminhão juntamente com os profissionais da nossa competente força policial no combate às drogas e infelizmente hoje ele encontra-se abandonado no Botucatu Parking deteriorando com a ação do tempo e não salvando vidas, como é a sua real missão”, explicou o chefe do Legislativo.

Para o vereador Fontão, a recuperação do caminhão deve ser um trabalho conjunto. “Precisamos de muita boa vontade e incansáveis esforços tanto do Executivo com áreas como a saúde, educação e segurança, quanto da própria Polícia Civil, para garantirmos a manutenção desse importante veículo, a fim de que o mesmo seja um instrumento educacional de prevenção atuando sempre de maneira brilhante como de outros tempos”, concluiu o legislador