Vereadora quer debater incêndios em reunião pública

Botucatu, por ter uma grande extensão territorial, foi apontada como sendo uma das cidades que possui os maiores índices de queimadas em épocas de estiagem. Como todos os anos, em 2014 no período de seca, o município foi acometido por grandes incêndios em suas áreas florestais, vales, terrenos baldios, pontos turísticos, entre outros, tanto na área urbana como a área rural. Situações que segundo a legisladora, podem ser amenizadas.

Seguindo este objetivo a vereadora do PT Rose Ielo (foto) solicitou a realização de uma reunião pública para debater o tema e elaborar antecipadamente, já nesse primeiro semestre do ano, um plano de ações estratégicas de prevenção a incêndios e combate a queimadas.

De acordo com o requerimento, a reunião deve ser realizada com representantes da Defesa Civil, Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Corpo de Bombeiros, Conselho Rural e de Agricultura, Conselho do Meio Ambiente, ONGs Ambientais do município, Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA), empresas vinculadas às áreas florestais e de aviação como Eucatex, Duratex e Embraer, sendo que o pedido foi aprovado por todos os vereadores.

De acordo com a legisladora, a discussão é importante. “Todos os anos o município sofre com as queimadas e hoje, apenas o Corpo de Bombeiros é responsável pelo combate nas áreas públicas e de proteção ambiental e as empresas particulares em suas próprias áreas. Ao mesmo tempo, instituições, ONGs e munícipes se dispõem em colaborar com brigadas voluntárias, além de termos a Embraer com aviões capacitados para o combate a incêndios de grandes proporções”, afirma Rose, que ainda ressalta que em evento realizado em Botucatu com os aviões Ipanema, da Embraer, diversos pilotos foram treinados em parceria com a FCA para esse fim, podendo fazer parte do plano de ações de combate integrado, por ser uma ação custeada pelo Ministério da Agricultura.