Só denominação de Rua: vereadores enviam apenas um projeto para votação na Câmara

ID_22599_camara capaA Câmara Municipal, mais uma vez, terá apenas um Projeto de Lei dos vereadores para apreciação nesta segunda, 13, durante Sessão a ordinária. E mesmo assim, trata-se de uma denominação de via pública.

O PL 52/2016, de iniciativa do Vereador Valmir Reis, denomina de “José Baptista do Amaral” a Rua “11”, com início na Rua Professora Mestra Virgínia Celeste Bentivenha e término na Rua Manoel Neto dos Reis, localizada no Loteamento Residencial Lívia. Esse é o único projeto vindo dos vereadores para discussão.

Já na Sessão extraordinária, são dois projetos tendo a Prefeitura de Botucatu como autora. O PL 50/2016, que dispõe sobre o Conselho da Cidade de Botucatu/SP e a Conferência Municipal da Cidade de Botucatu e dá outras providências, volta para discussão após pedido de vista da Vereadora Rose Ielo (PDT) na última semana. Ela terá que apresentar um relatório sobre seu pedido. Discussão e votação únicas e o quórum é maioria absoluta

Na segunda votação, o PL 13/2016 dispõe DE alteração da Lei Complementar  nº. 1.163/15 – LDO exercício de 2016 e abre crédito adicional especial até o limite de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais) na Secretaria Municipal de Educação. O valor visa contribuição na construção de um berçário na Sociedade de Assistência Social Apostólica Missionária.

A sessão da Câmara Municipal tem início às 20 horas com transmissão pela Rádio Municipalista (AM 1240) e pelo site www.camarabotucatu.com.br.