Petista quer diminuir a tarifa de transporte coletivo

“Possibilidade de diminuir a tarifa do transporte coletivo de Botucatu, em virtude da medida da equipe econômica do Governo Federal que zerou a alíquota de PIS e Cofins que é paga pelas empresas de ônibus”. Essa é a sugestão feita pelo vereador Lelo Pagani (PT) ? Prefeitura Municipal com relação as duas concessionárias que atuam na cidade: Sant´Anna e Stadtbus.

Vereador defende a propositura enfatizando que o governo federal vai suspender a cobrança de dois impostos federais que incidem sobre as tarifas de transporte coletivo urbano em todo o país a partir de junho de 2013 e essa medida é pela preocupação com o impacto do reajuste destes preços sobre a inflação, sendo que a equipe econômica resolveu zerar a alíquota de PIS e Cofins que é paga pelas empresas de ônibus, metrô e transporte de passageiros por barcos.

Pagani adianta que a medida entrará em vigor no dia 1º de junho, e contribuirá para reduzir o reajuste no preço das tarifas de ônibus municipais, metrô e trens da CPTM, que a Prefeitura de São Paulo e o Governo do Estado farão a partir do dia 2.

“Considerando que a desoneração também terá impacto sobre os reajustes esperados nas passagens de transporte coletivo em outras cidades do país, essa renúncia fiscal federal poderá beneficiar os usuários de ônibus de Botucatu, que contou com esses impostos na planilha de custos para elaborar o reajuste da tarifa em nossa cidade ? partir de janeiro deste ano, subindo de R$ 2,35 para R$ 2,65”, justifica.