Parlamentares sugerem incentivos fiscais ao Turismo

Implementação de Política Pública (ou um Programa de Governo) voltada ao oferecimento de incentivos fiscais, e de outros tipos, aos empresários que estejam dispostos a investir no setor de Turismo na Cidade. Essa é a proposta que os vereadores João Elias (SDD) e André Rogério Barbosa – Curumim (PSDB) apresentaram ao Executivo botucatuense.

Os vereadores destacam que se basearam em dados do Ministério do Turismo, sobre a atividade turística que vem superando setores como o da indústria e o da agricultura, em função de seu efeito multiplicador, ou seja, a grande quantidade de setores e serviços que abrange.

“O Turismo compõe-se de vários elementos, como equipamentos, serviços, infraestrutura, atrativos aos quais se relaciona – composição denominada de Cadeia Produtiva, que abriga rede hoteleira, setor de alimentação, comércio em geral, agências de viagens e transportes, entretenimento e atrativos dos mais variados, entre outros”, explicou João Elias (foto).

Observa o vereador do SDD que município de Botucatu conta com uma série de atrativos turísticos naturais, históricos e de negócio, como, por exemplo, cachoeiras e cascatas, lagos, formações geográficas e, sobretudo, o Rio Tietê, Centro histórico local, Fazenda Experimental Lageado, Indústrias e universidades.

“Legalmente, o interesse da iniciativa privada em empreender investimentos no setor de Turismo e Lazer pode ser estimulado a partir de incentivos fiscais, além das margens do Rio Tietê, oferecendo uma série de roteiros turísticos naturais e históricos aos visitantes contribuindo para a geração de emprego e renda ? Cidade”, frisa Elias.

“Além disso, Botucatu já possui mão-de-obra qualificada e em formação, sobretudo após a inauguração da Universidade do Trabalhador (Unit), e que poderá ser incorporada pelas novas iniciativas empresariais no setor do Turismo. Por tudo, estamos pedindo que o Poder Executivo estude meios para oferecer esses incentivos a investidores de forma a fomentar o setor de turismo de nossa cidade”, complementou Curumim.