Parlamentares sugerem criação do “Vale Educação”

Os vereadores João Elias (SDD) e Luiz Fontes – Fontão (PSDB) apresentaram durante a última sessão ordinária da Câmara Municipal um interessante pedido direcionado ao prefeito João Cury Neto e também à secretária de Educação, Alessandra Luchessi. O pedido é para que seja viabilizado um Projeto de Lei que ofereceria aos pais de alunos um valor para que os mesmos comprassem os materiais escolares para seus filhos nos locais de sua preferência.

A ideia dos legisladores é criar um programa chamado Vale Educação. “Levamos em conta apenas o fato de que anualmente a Prefeitura Municipal disponibiliza todo o material didático necessário para a rede municipal de ensino, porém, sabemos que esse fornecimento é realizado por meio de um processo licitatório que define uma única empresa fornecedora desse material”, explicou Fontão.

Pensando em facilitar todo esse processo, os vereadores indicam no requerimento que o grande objetivo é oferecer aos pais dos alunos, a liberdade para que os mesmos escolham a empresa e os materiais escolares de sua preferência, respeitando sempre uma série de critérios pré-estabelecidos pela secretaria de Educação, com relação à quantidade e normais técnicas dos referidos materiais.

De acordo com João Elias, além de facilitar o processo de compra, o chamado Vale Educação colaboraria para o crescimento de Botucatu. “Com a criação do benefício, a grande vantagem vai ser que as empresas do ramo de nossa cidade serão priorizadas, fortalecendo nosso comércio e consequentemente gerando mais empregos ao município”, explicou o vereador no teor do requerimento.