Parlamentar foca em nova indústria aeronáutica

A vereadora Rose Ielo (PT) teve aprovado durante a última sessão ordinária da Câmara Municipal, o requerimento onde busca o desenvolvimento da indústria aeronáutica municipal, bem como a qualificação da mão de obra voltada para a área, uma vez que Botucatu deve ganhar no próximo ano, a instalação de uma nova indústria voltada para o desenvolvimento de fuselagens, asas e portas para trem de aterrissagem.

A indústria que deve ser inaugurada no próximo ano em Botucatu irá produzir conjuntos completos para a indústria aeronáutica e será beneficiada com a transferência de tecnologia para a fabricação de caças da Força Aérea Brasileira. A Akaer trabalhará com o desenvolvimento das peças já citadas. Ao mesmo tempo em que a Embraer, parceira do negócio, produzirá equipamentos e componentes aeronáuticos.

Para a vereadora, os benefícios para a cidade são muitos. “Devemos focar na geração de novos postos de trabalho e também na transferência de tecnologia, pois no acordo firmado com a empresa sueca Saab, ficou definido que sua estrutura toda será produzida em Botucatu. A cidade também ganhará nossos postos de trabalho para a Embraer, que deverá aumentar sua unidade para suprir toda demanda”, analisa Rose.

Interessada em garantir que todo o processo saia dentro do previsto, a legisladora encaminhou ao Executivo, solicitações por: planejamento das áreas para instalação da fábrica; a elaboração da regulamentação da instalação das novas indústrias e a lei de incentivo do Polo Aeronáutico de Botucatu; a elaboração e a apresentação do Plano de Ocupação do aeroporto de Botucatu; a capacitação de mão de obra por meio do Pronatec para as novas indústrias, não só para Botucatu, mas para toda a região.